UOL Viagem

08/12/2008 - 08h12

Infraero constata que 14,6% dos vôos atrasaram nos últimos 6 meses

Pesquisa da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero) constatou que 14,64% dos vôos atrasaram no último semestre deste ano. Os cancelamentos ficaram abaixo dos 3%.

A média do mesmo período no ano passado, segundo a pesquisa, ficou em 29,49% em relação aos atrasos de vôos e 6,58% em relação aos cancelamentos de vôos.

O referencial de atraso adotado nos aeroportos administrados pela Infraero é de 30 minutos, parâmetro adotado em maio deste ano. Um minuto além dos 30 regulamentares já é considerado atraso

Os números em 2008 comprovam a manutenção de pontualidade em índices equivalentes a aeroportos de primeiro mundo. Dos 334,6 mil vôos de junho a novembro deste ano, 14,64% sofreram atraso e 2,47% foram cancelados.

Em novembro, o porcentual de atrasos ficou em 16,57%, também abaixo do mesmo mês do ano passado, que ficou em 26,65%. Os atrasos em outubro deste ano marcaram 12,53%, e, em setembro, 10,51%, mês em que foi registrado o menor índice. O aeroporto Tom Jobim, no Rio de Janeiro, manteve o menor índice de atraso: 15,24%.

Compartilhe: