UOL Viagem

04/12/2007 - 21h39

Anac ameaça suspender horários de companhias aéreas

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) quer suspender o slot (horário para pouso ou decolagem no aeroporto) da companhia aérea que cancelar mais de 10% dos vôos entre dois pontos durante um mês. A punição à empresa aérea é mais uma das medidas que o governo pretende implementar para tentar melhorar a situação do tráfego aéreo nos aeroportos do fim do ano. O problema é que a medida depende também de consulta pública, que ficará aberta durante 30 dias, possivelmente, a partir da próxima semana. Hoje, a regra diz que as empresas aéreas perdem este slot, caso cancelem mais de 25% dos vôos, durante o período de três meses.

Nesta mesma consulta, deverá ser incluído o aumento das multas às companhias por atrasos de vôos. A Anac informou que, caso as companhias não cumpram as regras estabelecidas pelo agência, poderão ser punidas até mesmo com a suspensão da concessão. Esta foi outra proposta apresentada pelo Ministério da Defesa ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em reunião hoje, no Planalto. O presidente está muito sensível à reclamação dos passageiros contra os freqüentes cancelamentos de vôos. As companhias, para evitar voarem com pouca ocupação, têm cancelados os vôos e mantido os passageiros esperando nos aeroportos para que embarquem no horário seguinte, com a aeronave lotada. Na reunião de hoje, no Planalto, o presidente deu mais 30 dias para que a Secretaria de Aviação Civil promova novos estudos e apresente novos dados sobre a construção de um terceiro aeroporto em São Paulo. (Tânia Monteiro)

Compartilhe: