UOL Viagem

11/10/2007 - 16h34

Dólar inverte o sinal e fecha acima de R$ 1,80

São Paulo - Após romper pela manhã o forte suporte de R$ 1,80, o dólar a queda e passou a subir logo após o leilão de compra de moeda pelo Banco Central e a virada para baixo das bolsas de valores à tarde. Antes do encerramento dos negócios no mercado de câmbio interbancário, a Bovespa já recuava mais de 2%, abaixo dos 62 mil pontos, depois de romper pela primeira vez os 64 mil pontos pela manhã.

O dólar comercial subiu 0,06% e fechou o dia a R$ 1,806. No pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros, o dólar negociado à vista avançou 0,08% e encerrou cotado a R$ 1,805. Em ambos os casos, a taxa de fechamento foi a maior do dia.

Segundo operadores consultados, a virada das cotações ocorreu logo após o leilão de compra do Banco Central, que pode ter enxugado a liquidez do mercado. Outra possibilidade apontada é que o mercado pode ter forçado a queda da manhã, que não teria refletido fluxo cambial positivo, afirmou uma fonte. Com a virada de alta para queda das Bolsas em Nova York e São Paulo mais cedo e a renovação das mínimas na Bovespa, a moeda americana encontrou espaço para devolver as perdas registradas desde a abertura.

Os investidores podem estar vendendo ações nas Bolsas numa postura preventiva diante da expectativa de divulgação amanhã do índice de preços ao produtor norte-americano de setembro, quando o mercado brasileiro estará fechado por causa do feriado de Nossa Senhora Aparecida. (Silvana Rocha)

Compartilhe: