UOL Viagem

02/10/2007 - 16h41

Após cinco quedas seguidas, dólar sobe para R$ 1,825

São Paulo - Após cair mais de 8% nas cinco sessões anteriores, para o menor valor desde agosto de 2000, o dólar oscilou em alta o dia todo hoje. O dólar comercial, negociado no mercado interbancário, avançou 0,83% e fechou cotado a R$ 1,825. No pregão viva-voz da Bolsa de Mercadorias & Futuros, o dólar negociado à vista terminou o dia a R$ 1,8235, com ganho de 0,80%.

Em meio à realização de lucros nas bolsas de valores em Nova York e em São Paulo, após os recordes de pontuação ontem do Índice Dow Jones e do Ibovespa, e depois das fortes perdas da moeda americana desde a semana passada, os investidores aproveitaram a oportunidade para comprar dólar, dando sustentação aos preços.

O principal motivo que teria justificado a realização de lucros no mercado de ações, foi o fraco número de vendas pendentes de imóveis em agosto nos Estados Unidos. A Associação Nacional dos Corretores de Imóveis informou, pela manhã, que o índice de vendas pendentes de imóveis caiu nos EUA à taxa anual sazonalmente ajustada de 6,5%, para 85,5 em agosto, o menor nível desde que o índice foi criado, em janeiro de 2001. Em julho, o índice estava em 91,4 e economistas esperavam que ficasse em 88 em agosto. Segundo analistas, esse dado mostra o contágio do setor imobiliário pelos problemas no segmento de crédito de alto risco. (Silvana Rocha)

Compartilhe: