UOL Viagem

05/09/2007 - 16h43

Dólar comercial sobe 1,03% e fecha a R$ 1,969

São Paulo - O dólar comercial subiu 1,03% e fechou cotado a R$ 1,969 no mercado interbancário de câmbio. No pregão da Bolsa de Mercadorias & Futuros, o dólar à vista encerrou a sessão na máxima registrada no dia, de R$ 1,972, alta de 1,23%. Apesar da valorização, o volume de negócios na BM&F, no mercado à vista, foi fraco e somava, por volta das 16h30, cerca de US$ 1,6 bilhão.

A taxa de câmbio no mercado doméstico estava em queda há três dias, mas hoje inverteu a direção com a leve piora dos mercados globais e aceleração das perdas nas Bolsas americanas e brasileira após a divulgação do Livro Bege do banco central americano (Fed), esta tarde.

O Livro Bege, sumário das condições da economia dos EUA, servirá de base para as decisões de política monetária a serem tomadas na próxima reunião do Comitê de Mercado Aberto (Fomc) do Fed, no dia 18. Como ainda não está claro se haverá mesmo um corte do juro básico nos Estados Unidos este mês, os investidores buscaram proteção nos títulos do Tesouro americano.

No cenário doméstico, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decide ainda hoje a taxa Selic (juro básico da economia brasileira) que vai vigorar pelo menos até a próxima reunião dos diretores do BC, em 16 e 17 de outubro. O consenso entre analistas financeiros é de que o juro básico seja reduzido hoje em 0,25 ponto porcentual, para 11,25% ao ano. Uma decisão muito divergente dessa aposta só terá repercussão no mercado de câmbio amanhã.

Compartilhe: