Topo

Viagem


Conheça a Bali festiva, religiosa e surfista em 36 horas

NAOMI LINDT

New York Times Syndicate

2011-05-06T17:51:13

06/05/2011 17h51

Talvez tenham sido as mulheres com seios nus que o pintor alemão Walter Spies registrou em suas exuberantes paisagens de Bali durante os anos 30, já que, desde então, estrangeiros vêm para cá para se despir. Australianos sem camisa, com pranchas de surfe amarradas na lateral de suas motos, vêm atrás das melhores ondas. Nos resorts cinco estrelas, mulheres italianas bronzeadas em biquínis minúsculos se distraem com vinho. No interior, buscadores espirituais em sarongues envolvendo o corpo comungam em templos. As mulheres locais não fazem mais topless, mas isso não impede que a multidão que se bronzeia nas praias mais movimentadas de Bali o faça.

Sexta-feira

17h - Artefatos modernos
Pontuado por templos escondidos atrás de arcos ornamentadamente entalhados e ruas repletas de pétalas, Ubud é o centro artístico de Bali. E além das máscaras pintadas e dos teatros de sombras presentes em inúmeras fachadas se encontra uma série de novas galerias, que oferecem tesouros únicos. Jean-François Fichot (Jalan Raya Pengosekan 6, Ubud; 62-361-974-652; jf-f.com) oferece notáveis objetos de arte e joias de ouro incrustadas de pedras e gemas. Ao lado fica a Nusantara Gallery (Jalan Raya Pengosekan 7, Ubud; 62-81-797-97804), que vende arte primitiva rara, incluindo estátuas de madeira e belos tecidos, oriunda de todo o arquipélago indonésio. E na Rio Helmi Photography (Jalan Suweta 24A, Ubud; 62-361-978-773; riohelmi.com), Helmi, que expõe suas próprias fotos em Bali e em outros lugares, tem um novo livro lançado, “Memories of the Sacred” (memórias do sagrado), que narra 30 anos passados testemunhando as tradições duradouras de Bali.

19h - Refeição inspiradora
Carma culinário parece emanar da Jalan Raya Sanggingan, uma rua sinuosa a cerca de 15 minutos a noroeste do centro de Ubud. Juntando-se aos famosos pratos franco-asiáticos do Mozaic e às lendárias costeletas do Naughty Nuri está o Minami (Jalan Raya Sanggingan, Ubud; 62-361-970-013; minami-bali.com), um elegante restaurante japonês aberto em 2009 por Miho Oshiro, de Osaka. Você pode beber sake-tini com yuzu (85 mil rupias indonésias, ou aproximadamente US$ 9,75, com o dólar cotado a 8.703 rupias) enquanto se acomoda no salão de jantar azul claro e com cheiro de jasmim, que dá vista para um jardim iluminado por lanternas. O cardápio de degustação com seis pratos (210 mil rupias) inclui um sashimi de salmão tasmaniano que derrete na boca e tempura de folha de abobrinha, fina como papel. Até mesmo o sal condimentado (a receita é secreta), importado do Japão e servido em uma vasilha minúscula, é excelente.

21h30 - Toque de Havana
Você provavelmente terá as ruas de Ubud só para você logo depois do jantar, mas casas de coquetéis bonitinhas estão em ascensão. No Cafe Havana (Jalan Dewi Sita, Ubud; 62-361-972-973; cafehavanabali.com), bandas de salsa e aulas de dança ocorrem em meio a cadeiras pintadas à mão que não combinam e fotos emolduradas de Che e Fidel. Os drinques no artístico Lamak (Jalan Monkey Forest, Ubud; 62-361-974-668; lamakbali.com) são preparados no bar ao ar livre; peça o doce e forte El Diablo, feito de tequila, crème de cassis, suco de limão e ginger ale.

Sábado

7h45 - Prazer em duas rodas
É difícil não se apaixonar por Bali ao pedalar por suas tranquilas estradas secundárias, que são margeadas por plantações de arroz, flores de todos os tons do arco-íris e mulheres em sarongues de cores vivas equilibrando oferendas ao templo em suas cabeças. Passeios que duram meio dia na Bali Eco-Cycling (Jalan Pengosekan, Ubud; 62-361-975-557; baliecocycling.com; 300 mil rupias) começam com um café da manhã com vista para o Monte Batur vulcânico com mais de 1.700 metros de altitude e o lago em sua cratera, seguido por estímulo de cafeína em uma plantação de café. O passeio de 27 quilômetros, em grande parte em descida, não é muito desafiador, mas tem vistas espetaculares e ótimas para fotos.

  • Justin Mott/The New York Times

    É difícil não se apaixonar por Bali ao pedalar por suas tranquilas estradas secundárias, que são margeadas por plantações de arroz e flores de todos os tons do arco-íris. Há passeios que duram meio dia na Bali Eco-Cycling

13h - Vegetariano virtuoso
Siga as tranças e calças de Aladim até o Kafe (Jalan Hanoman 44b, Ubud; 62-361-780-3802; balispirit.com), um café ensolarado, cheio de arte, que é feito de madeira recuperada. Dirigido por Meghan Pappenheim, uma ex-nova-iorquina, o ponto hippie-chique serve pratos vegetarianos como a Meg’s Big Salad Bowl – um prato cheio de folhas, repolho, pimentas, pepinos, tomates e cubos de tofu-tempeh crocantes (36 mil rupias) – e o kitcheree, um farto ensopado de lentilha, arroz integral, gengibre e açafrão (32 mil rupias). Também há uma seleção de alimentos assados para os menos virtuosos.

14h30 - Abertura oportuna
Foram necessários 30 meses para construção do Fivelements (Banjar Baturning, Mambal; 62-361-469-206; fivelements.org), um impressionante centro de bem-estar e hotel cinco estrelas localizado em Mambal, um vilarejo pacato a 20 minutos de carro de Ubud. Massagens transcendentais são oferecidas em salas repletas de incenso, construídas de bambu polido, madeira recuperada e tetos de palha em espiral (90 minutos a partir de US$ 80). Um chá de erva-cidreira e gengibre pós tratamento é servido em um terraço privado com vista para uma floresta de bambu e para o Rio Ayung.

17h30 - Show de luzes
Os lendários pores do sol de Bali podem ser um assunto controverso. Pergunte às pessoas qual o melhor local para ver o entardecer psicodélico e você ouvirá um monte. Mas não há como negar que um dos locais mais elegantes é o Rock Bar (Ayana Resort and Spa, Jimbaran; 62-361-702-222; ayanaresort.com), um lounge ao ar livre construído nos penhascos do recém inaugurado Ayana Resort and Spa, ao longo da ponta sudoeste da ilha. O bar sereno e minimalista com terraços interligados fica empoleirado acima das ondas do Oceano Índico. Chegue cedo para evitar as filas e arrumar um bom lugar (apesar dos melhores ficarem reservados para os hóspedes do hotel). Peça uma cerveja gelada (80 mil rupias) e assista ao sol derreter no oceano, deixando no céu tons brilhantes de rosa, violeta e laranja.

20h30 - Peixe com arroz
Seminyak, a vizinho de luxo de Kuta, se transformou no centro para ver e ser visto da vida noturna em Bali. Logo, foi revigorante quando o Sardine Sardine (Jalan Petitenget 21, Kerobakan; 62-361-738-202; sardinebali.com), um restaurante elegante, mas simples, fez todo mundo se sentir em casa. Tendo plantações de arroz ao fundo, a clientela prova o que o chef Michael Shaheen, da Califórnia, chama de “cuisine du soleil” – alimentos leves e saudáveis adequados para climas quentes. Isso inclui peixes e frutos do mar recém pescados como o sashimi de caranha com cogumelos shimeji (65 mil rupias) e vieiras salteadas na frigideira com salsinha e trufas (195 mil rupias).

22h30 - Encontre a festa
As pessoas bonitas de Bali se reúnem para drinques, jazz e música de DJ do outro lado da rua no Metis (Jalan Petitenget 6, Kerobokan; 62-361-737-888; metisbali.com), um bar à luz de velas que é o mais recente empreendimento do pessoal por trás do Kafe Warisan. No centro da cidade, aficionados por design se reúnem no Word of Mouth (Jalan Kunti 9, Seminyak; 62-361-847-5797; wordofmouthbali.com), uma butique que à noite funciona como um lounge bacana, com festas improvisadas que contam com público leal (cheque sua página do Facebook para atualizações).

  • Justin Mott/The New York Times

    A prática de surfe é popular em Padang Padang, um oásis de água calma à sombra de penhascos elevados que foi cenário do filme "Comer, Reza, Amar"

Domingo

9h - Equilíbrio na prancha
As ondas gigantes de Bali atraem surfistas desde os anos 60, prometendo ondas o ano todo que podem passar de 3 metros. Após passar um tempo admirando os bronzeados perfeitos e o espírito livre da comunidade surfista de Bali, você provavelmente vai querer ingressar. Há abundância de barracões de surfe com professores. Para minimizar a humilhação dos iniciantes, experimente uma aula particular de 75 minutos (450 mil rupias) com Marcy Meachin (62-812-385-9454; teachsurf.com), uma talentosa professora australiana que passou grande parte dos últimos 30 anos caçando ondas na Indonésia. As aulas para iniciantes são dadas em Legian Beach, onde as águas rasas, costa arenosa e ondas pequenas proporcionam uma introdução gentil.

11h30 - Areia e pizza
Bukit, a ilha mais ao sul da península, possui praias de tirar o fôlego. Alugue um carro e motorista para levar você a pontos isolados como Padang Padang, um oásis de água calma à sombra de penhascos elevados que foi cenário do filme “Comer, Reza, Amar”. Outra praia deslumbrante fica no Nammos Beach Club (Karma Kandara Resort; karmakandara.com), cujo acesso se dá por uma trilha íngreme aberta no penhasco de pedra calcária. Pessoas de fora podem desfrutar das águas verde-azuladas por uma taxa de 250 mil rupias, que inclui 100 mil rupias para comida. A cozinha ao ar livre serve uma excelente pizza de forno a lenha, com coberturas como figos, prosciutto e gorgonzola.

14h - Paraíso do consumidor
Leve para casa um pouco do chique de Bali na Jalan Laksmana, que despontou como a rua das butiques de Seminyak nos últimos anos. Experimente o boêmio cool do Press Ban Cafe no No. 50 (62-361-730-486), para calçados de madeira artesanais, óculos Jackie O. e camisas xadrez vintage sob medida. A Lily Jean (No. 102; 62-361-847-5872; lily-jean.com) oferece sensuais terninhos de jérsei e vestidos enfaixados para coquetéis. E Simplekonsepstore (No. 40; 62-361-730-393; sksbali.com) se orgulha de um design exclusivo: camisetas com estampas em número limitado, bolsas inspiradas em origami e túnicas tingidas à mão, que reinventam a rica tradição de Bali de batique de formas totalmente inesperadas.

O básico

As 20 casas em tom de chocolate e caramelo do Uma Sapna (Jalan Drupadi No. 20 Basangkasa, Seminyak; 62-361-736-628; coconuthomes.com) possuem piscinas privadas e pátios ao ar livre. As lojas de Seminyak estão a uma distância de caminhada e a praia fica uma curta distância de táxi. Quartos duplos a partir de US$ 175.

O W Retreat & Spa Bali-Seminyak (Jalan Petitenget, Seminyak; 62-361-738-106; whotels.com/bali) deverá abrir em março ou abril, com 237 quartos oferecendo vistas maravilhosas do mar. Quartos duplos a partir de US$ 575.

Mais Viagem