Viagem

'Irmão japonês' do Caminho de Santiago atrai milhões de peregrinos

Tanabe Cuty Kumano Tourism Bereau
Durante mais de mil anos pessoas de todos os níveis sociais, incluindo imperadores aposentados e aristocratas japoneses, peregrinaram por estas montanhas Imagem: Tanabe Cuty Kumano Tourism Bereau

O Caminho de Kumano ou Kumano Kodo é uma rede de rotas de peregrinação localizada na província de Wakayama, no sul do Japão. Milhões de peregrinos percorrem a região montanhosa todos os anos visitando templos ao longo do percurso.

O local é considerado sagrado desde tempos pré-históricos e se consolidou após a união do budismo com o xintoísmo. Foi percorrido pela família imperial e aristocratas japoneses até se tornar conhecido também entre mercadores e membros da população em geral. O caminho entrou em declínio após a modernização do Japão, no século XIX, e foi redescoberto nos anos 90.

Em 1997, representantes de Galícia, na Espanha, e da Prefeitura de Wakayama firmaram um acordo que tornou os caminhos de Santiago de Compostela e de Kumano "irmãos". Em 2004, a rota foi declarada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Os peregrinos podem optar por três rotas em Kumano. O objetivo é chegar a três grandes templos conhecidos como Kumano Sanzan. Há caminhadas que podem durar apenas algumas horas ou até uma semana, se forem feitas em trilhas pelas montanhas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo