Viagem

Britânico desenterra tesouro romano de 2 mil anos

16/09/2009 11h08

  • Divulgaão/BBC
Um arqueólogo amador descobriu um vaso com pelo menos 10 mil moedas que poderiam datar da Era Romana na região de Shropshire, na Inglaterra.

O Serviço de Museus do governo local acredita que as moedas tenham sido cunhadas entre os anos 320 DC e 340 DC.

O governo de Shropshire enviou as moedas para Londres, onde serão examinadas por especialistas.

Segundo o vereador Stephen Charmley esta foi a maior descoberta de moedas antigas no país nos tempos modernos.

Acredita-se que as moedas, que pesam mais de 32 quilos, tenham sido cunhadas no período do imperador Constantino.

Todas são de bronze e algumas foram banhadas em prata.

O governo local deve divulgar um relatório completo sobre o achado depois que as moedas forem analisadas.

O vereador disse esperar que as moedas voltem para a região de Shropshire, onde seriam expostas no recém-aberto museu de Shrewsbury.

O governo local não revelou em que cidade as moedas foram encontradas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem

Topo