Britânicos pegam prisão em Dubai por fazer sexo na praia

Da BBC Brasil

Um casal britânico foi condenado a três meses de prisão em Dubai depois de ter sido considerado culpado por fazer sexo na praia.

Michelle Palmer, de 36 anos, e Vince Acors, de 34, foram presos no dia 5 de julho na praia de Jumeirah, depois de um café-da-manhã regado a champanha no luxuoso hotel Le Meridien.

O policial responsável pela detenção afirmou ao Tribunal que havia alertado o casal sobre o comportamento inapropriado, mas que, ao retornar à praia, encontrou os dois mantendo relações sexuais em uma espreguiçadeira.

O casal foi solto após pagamento de fiança logo depois da prisão. Os dois britânicos negam as acusações de indecência pública e de fazer sexo sem serem casados.

De acordo com a decisão do Tribunal, eles receberam uma multa de £160 (R$ 598) e serão deportados do país depois de cumprirem a pena estabelecida.

Polêmica

Palmer, que foi demitida de seu emprego depois da prisão, afirmou que ela e Acors estavam "apenas se beijando e se abraçando".

Ela afirma ainda que os testemunhos contra o casal, inclusive o do policial, estavam "errados" e que exames médicos comprovam que o casal não teria feito sexo na praia.

Amigos da britânica afirmam que ela esteve internada em um hospital de Dubai sofrendo de ansiedade e depressão nos meses que antecederam a decisão da Justiça.

O advogado do casal, Hassan Matter, disse que os dois ficaram abalados com o veredicto e que irão apelar da decisão. Matter afirma ainda que os dois foram obrigados a assinar uma declaração em árabe logo após a prisão em 5 de julho e que os dois não entediam o conteúdo do que estavam assinando.

O caso levantou discussões sobre o estilo de vida de 120 mil britânicos que residem nos Emirados Árabes. Segundo o correspondente da BBC em Dubai Christian Fraser, os turistas ignoram as restritas leis islâmicas vigentes dos Emirados, o que preocupa as autoridades já que o turismo é essencial para a economia da região.

Fraser afirma ainda que o resultado do caso de Palmer e Acors será um alerta de que esse tipo de comportamento não será tolerado. Algumas autoridades religiosas pediram para que o casal fosse punido rigorosamente para servir de alerta aos outros estrangeiros.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos