Viagem

Onda de calor persiste nos EUA

10/08/2010 16h37

WASHINGTON, 10 Ago 2010 (AFP) -Mais de 15 estados americanos estão em alerta nesta terça-feira por causa de uma onda de calor que prossegue desde julho e que deve perdurar neste início de agosto, principalmente no leste dos Estados Unidos, indicaram os serviços meteorologia.

Nesta terça-feira, por causa do efeito conjunto do calor e da umidade, as temperaturas foram para 40,5 graus Celsius em muitos estados, segundo a NOAA, Agência Oceânica e Atmosférica Americana.

Do Texas a Nova York, "16 estados estão sob o alerta de um forte calor ou calor excessivo, o que quer dizer temperaturas perigosas durante um período prolongado, que podem gerar doenças ou provocar insolação", informou à AFP Bruce Sullivan, da NOAA.

"Não há previsão de mudanças (nas temperaturas) para os próximos dias", advertiu o meteorologista.

A média das temperaturas em todo o país no mês de julho, de 75,5 graus Farenheit (24,1 graus Celsius), foi superior em 1,3 grau Fahrenheit em relação a média de calor entre 1901 e 2000.

Em inúmeras cidades da costa leste, o intenso calor atingiu recordes com temperatura média em julho de 28,4 graus Celsius, que equivale ao recorde histórico de julho de 1993, informou a NOAA.

Julho foi o mês mais quente de toda a história dos estados atlânticos de Rhode Island (nordeste) e de Delaware (leste).

Os serviços de meteorologia registram os recordes de temperaturas desde 1895.

Pelo menos 12 pessoas morreram nos Estados Unidos em julho em acidentes ou por causa de problemas de saúde relacionados ao calor, destacou a NOAA, que precisou que a contagem está longe de estar completa neste estágio.

Cada ano nos Estados Unidos, o calor mata 162 pessoas, mais que os furacões (117 pessoas por ano, em média), as inundações (65), os tornados (62) ou raios (48).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo