Viagem

Londres cria maior reserva marinha do mundo nas ilhas Chagos

01/04/2010 16h51

A Grã-Bretanha autorizou nesta quinta-feira a criação da maior reserva natural marinha do mundo ao redor das ilhas Chagos, no oceano Índico, uma iniciativa que desagrada os habitantes que foram expulsos do arquipélago nos anos 1960.

Esta reserva natural protegerá uma região que os ecologistas comparam com a Grande Barreira de Corais da Austrália, devido a sua vida marinha e a sua população de atuns amarelos, tartarugas e caranguejos.

Incluirá uma zona proibida para a pesca com fins comerciais, afirmou o ministro das Relações Exteriores, David Miliband, em um comunicado.

A Área Marinha Protegida (MPA, em inglês) terá uma extensão de 400 mil km2 "e sua criação duplicará a superfície global dos oceanos protegidos no mundo", explicou Miliband.

Entre 1965 e 1972, cerca de 2 mil habitantes tiveram que abandonar as Chagos, um território britânico do oceano Índico, após um acordo anglo-americano para transformar a ilha principal, Diego García (27 km2), em uma base militar dos Estados Unidos.

A ilha é habitada atualmente por 1.700 soldados americanos, 1.500 funcionários civis e cerca de 50 britânicos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo