Viagem

Chipre abre passagem simbólica em sua dividida capital

De Nicósia

03/04/2008 12h12

Um novo ponto de passagem, fechado há 45 anos, foi aberto em uma cerimônia oficial nesta quinta-feira no centro de Nicósia, a capital do Chipre dividida entre greco-cipriotas e turco-cipriotas, marcando uma etapa simbólica nos esforços de reunificação da ilha.

Autoridades das prefeituras greco-cipriota e turco-cipriota participaram na cerimônia de abertura da nova passagem da rua Lendra, na área de Nicósia administrada pela ONU e que separa o Norte e o Sul da capital.

A barreira metálica que fechava o acesso do lado greco-cipriota foi retirada durante a madrugada.

As barreiras da rua Lendra foram as primeiras criadas em Nicósia, após os distúrbios étnicos de 1963. A ONU foi obrigada a intervir no ano seguinte e permanece presente no Chipre.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem

Topo