Espanha doa um milhão de euros para reconstruir a biblioteca de Sarajevo

SARAJEVO, 22 Out 2007 (AFP) - A Espanha comprometeu-se nesta segunda-feira a financiar com um milhão de euros os trabalhos de reconstrução da biblioteca nacional de Sarajevo, emblema da capital bósnia e símbolo da destruição sofrida por essa cidade durante a guerra de 1992 a 1995.

O acordo de financiamento foi assinado em Sarajevo pelo ministro espanhol da Cultura, César Antonio Molina, o presidente em exercício bósnio, Zeljko Komsic, e o prefeito da capital, Semiha Borovac.

Os recursos espanhóis serão utilizados para a reconstrução da fachada do edifício construído em 1896, no tempo do império austro-húngaro, em estilo mourisco.

O teto e o átrio do prédio já foram reconstruídos com doações do governo austríaco e da União Européia.

Jóia da arquitetura austro-húngara do século XIX, a biblioteca foi destruída em agosto de 1992 pela artilharia das forças servo-bósnias, que sitiaram Sarajevo durante três anos e meio.

O custo total dos trabalhos de reconstrução do conjunto é estimado em 7,5 milhões de euros.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos