Viagem

Gênio multimilionário da Microsoft pronto para fazer turismo no espaço

Por Antoine Lambroschini

06/04/2007 15h26

BAIKONUR, Cazaquistão, 6 abr 2007 (AFP) - O multimilionário americano-húngaro Charles Simonyi se converterá neste sábado no quinto turista a ir ao espaço a bordo de uma nave Soyuz, que será lançada do cosmódromo russo de Baikonur, nas estepes do Cazaquistão.

A partida da nave, rumo à Estação Espacial Internacional, está prevista para as 23H31 locais (14H31 de Brasília).

Simonyi, um especialista em informática de 58 anos, pioneiro do grupo americano Microsoft, onde ajudou a criar programas como o Word e o Excel, será acompanhado de dois cosmonautas russos, Fiodor Yurchijin e Oleg Kotov, um novato.

O turista espacial retornará à Terra em 20 de abril com a atual tripulação da ISS, o russo Mikhail Tiurin e o americano de origem espanhola Miguel López-Alegría, enquanto que seus dois companheiros de decolagem permanecerão 190 dias em órbita.

Os três cosmonautas estão há duas semanas de quarentena em Baikonur, depois de meses de treinamento - e de cursos de russo para Simonyi - na Cidade das Estrelas, o centro de preparação das missões espaciais, situado perto de Moscou.

Durante sua estada no espaço, Simonyi não apenas admirará o globo terrestre como submeterá seu corpo a várias experiências médicas, definidas pela Agência Espacial Européia (ESA) e destinadas a compreender as origens da anemia e dos efeitos das radiações espaciais no organismo dos astronautas.

Sua condição de engenheiro será aproveitada pela Agência de Exploração Aeroespacial Japonesa (JAXA), para a qual Simonyi realizará uma série de experiências e verificações com câmeras de alta definição.

Em seu tempo livre prometeu que continuará escrevendo em seu blog para contar as impressões do espaço, depois de ter relatado, diariamente, suas sessões de treinamento no site www.charlesinspace.com.

O engenheiro, que gastou 25 milhões de dólares por essa aventura, levará uma recordação muito particular ao espaço: uma fita de papel usada por um computador soviético Ural-2, com o que se trabalhava, em 1964, em sua Hungria natal e que servia para armazenamento de dados.

"Guardei isso em meu cofre e levarei para recordar como tudo isso começou", explicou ele.

O multimilionário também não esqueceu de seus companheiros de ISS e festejará o 12 de abril, dia dos cosmonautas na Rússia, com um jantar espacial gastronômico, preparada especialmente para a ocasião.

Simonyi, que é piloto experiente de avião e de helicóptero, não imaginava, quando era um adolescente, que seria um turista espacial e seu único sonho era "sair da Hungria e imigrar para o Ocidente". Sua paixão pelo Cosmos foi despertada quando começou a assistir os lançamentos em Cabo Cañaveral, o centro espacial americano.

Em 1968, aos 20 anos, foi finalmente para os Estados Unidos e estudou na prestigiosa universidade californiana de Berkeley, de onde saiu com um diploma de engenharia e matemática.

Em 1981, ao ser contratado pela Microsoft - então apenas uma "start-up" da costa oeste dos Estados Unidos -, Simonyi encontrou definitivamente o sucesso, a fortuna e as estrelas.

Naturalizado americano, se impôs como um dos principais pioneiros da firma de Seattle, a qual deixou em 2002 para fundar sua própria empresa, a Intentional Software Corporation.

Charles Simonyi será o quinto multimilionário que viaja como turista à estação orbital, depois dos americanos Dennis Tito (2001) e Greg Olsen (2005), do sul-africano Mark Shuttleworth (2002) e da americana de origem iraniana Anousheh Ansari (2006).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo