Madri cancela comemorações do Ano Novo por precaução após atentado

MADRI, 31 dez (AFP) - As autoridades de Madri cancelaram neste domingo a tradicional celebração do ano novo no centro da cidade como medida de precaução após o atentado de sábado no aeroporto de Madri-Barajas reivindicado pelo ETA.

Um espetáculo de luzes e sons deveria ter começado à noite na Praça do Sol, onde um relógio conta os doze últimos segundos do ano, que devem ser acompanhados saboreando-se uvas, segundo a tradição espanhola. A cada 31 de dezembro, a Praça fica lotada de pessoas dispostas a dar as boas-vindas ao novo ano.

O objetivo da celebração era simular os dias da "movida", a explosão hedonista dos anos oitenta na capital espanhola, após o fim da ditadura de Francisco Franco (1939-1975).

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos