Apertem os cintos... o piloto ficou preso no banheiro

OTTAWA, 30 ago (AFP) - Um piloto canadense, que precisou satisfazer uma necessidade fisiológica durante um vôo ficou preso no banheiro, cuja porta emperrou, informou nesta quarta-feira a companhia Jazz, filial da Air Canada.

Durante um vôo regional no sábado passado entre Ottawa e Winnipeg (centro), o piloto foi ao banheiro cerca de 30 minutos após a decolagem e, na hora de voltar para a cabine, viu que a porta estava emperrada. Seus esforços e o do co-piloto para abrir a porta foram em vão.

A tripulação teve de desmontar a porta do banheiro para que o piloto pudesse retomar seu posto, menos de 30 minutos antes da aterrissagem, revelou Manon Stuart, porta-voz da Jazz.

Segundo a imprensa local, os passageiros ficaram seriamente preocupados quando perceberam que o piloto estava preso e tentava abrir a porta sem sucesso, recorrendo ao co-piloto por meio de um telefone celular.

Já a porta-voz garantiu que os passageiros ficaram calmos durante o incidente e que, em nenhum momento, estiveram em perigo, pois o co-piloto poderia pousar o avião sem o piloto.

"Este tipo de incidente é bem raro", acrescentou Stuart. "É a primeira vez que isto acontece em um vôo nosso".

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos