menu
Topo

Viagem


Só para ricaços: na Ásia, resort paradisíaco tem diárias a R$ 400 mil; veja

Divulgação/Banwa Private Island
A Banwa Private Island tem acomodações com piscina privativa e vista para o mar de Sulu Imagem: Divulgação/Banwa Private Island

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

2019-05-22T04:00:00

22/05/2019 04h00

Uma ilha no oceano Pacífico, em uma das regiões mais lindas do mundo, que pode ser o destino de suas férias (desde que você tenha pelo menos R$ 400 mil para gastar por dia).

Assim é o Banwa Private Island, que acaba de ser inaugurado na região de Palawan, nas Filipinas, e é um dos resorts mais caros do planeta.

Divulgação/Banwa Private Island
Diárias do Banwa Private Island, nas Filipinas, custam a partir de US$ 100 mil Imagem: Divulgação/Banwa Private Island

Trata-se de um pedaço de terra banhado pelo mar de Sulu, trecho oceânico da Ásia que abriga uma riquíssima vida marinha, exibe água inacreditavelmente cristalina e ainda tem boa parte de sua natureza preservada.

O estabelecimento hoteleiro que acaba de aportar por lá, por sua vez, oferece um ambiente de puro luxo e exclusividade para seus clientes.

Divulgação/Banwa Private Island
Interior de uma das acomodações do Banwa Private Island, nas Filipinas Imagem: Divulgação/Banwa Private Island

O Banwa Private Island conta com seis (enormes) acomodações, que, juntas, têm capacidade para comportar apenas 22 hóspedes. Cada uma delas tem uma piscina privativa com borda infinita (em alguns casos, elas parecem se fundir com o mar) e uma hidromassagem com vista para o oceano ou para as montanhas do interior da ilha.

Há, ainda, suítes um pouco mais longe da orla que, somadas, podem receber até 26 ocupantes.

Divulgação/Banwa Private Island
O Banwa Private Island fica em uma ilha marcada por praias paradisíacas Imagem: Divulgação/Banwa Private Island

Todas as acomodações possuem um design moderno e que se integram às paisagens naturais deste território insular.

As diárias do local são all-inclusive (ou, seja, incluem farta alimentação e quantidade de bebidas para os clientes): muitas das refeições, aliás, são preparadas por chefs que se encontram à disposição dos hóspedes in loco (e são preparadas com ingredientes orgânicos plantados na própria ilha).

Divulgação/Banwa Private Island
Detalhe de acomodação do Banwa Private Island Imagem: Divulgação/Banwa Private Island

E ainda há, no lugar, uma equipe de especialistas em meio ambiente marinho que prometem explicar aos turistas detalhes do ecossistema que existe nesta área.

Spa e golfe

Apesar de ser um tanto isolado, o Banwa Private Island oferece, dentro de seus mais de 6 hectares, serviços típicos de grandes hotéis para seus hóspedes endinheirados.

No local, é possível, por exemplo, jogar golfe em um campo de 9 buracos (e que propicia vista para o mar e para montanhas verdejantes).

Spa, quadra de tênis e até um campo de futebol também fazem parte da infraestrutura do estabelecimento, assim como barcos, jet-skis e caiaques para quem quiser realizar um tour pela água.

Divulgação/Banwa Private Island
Quadra de tênis do Banwa Private Island, nas Filipinas Imagem: Divulgação/Banwa Private Island

Quando a maré está baixa, por sua vez, o mar que banha a ilha fica marcado por uma verdadeira piscina natural, onde os hóspedes se refrescam com tranquilidade, praticam snorkel e observam uma colorida vida marinha (que inclui corais).

E, por falar em água, o Banwa Private Island fica perto do Tubbataha Reef, considerado um dos melhores pontos de mergulho do mundo.

Helicóptero particular

E a exclusividade se estende até o modo como os turistas chegam à ilha. Para viajar até lá, viajantes tomam um helicóptero ou avião privativos na cidade de Manila, capital das Filipinas. A viagem dura aproximadamente 2 horas.

Outra maneira é viajar até San Vicente ou Puerto Princesa e, de lá, pegar um helicóptero para, em 10 minutos, chegar ao Banwa Private Island.

Divulgação/Banwa Private Island
Para chegar à ilha, é preciso pegar um avião privativo ou helicóptero Imagem: Divulgação/Banwa Private Island

Como foi mencionado no começo do texto, porém, passar as férias neste pedaço de paraíso é oportunidade apenas para quem tem muito dinheiro no bolso.

As diárias do local custam a partir de US$ 100 mil (aproximadamente R$ 400 mil) e dão direito à ocupação de toda a ilha, além de incluir, entre outros mimos, tratamentos ilimitados no spa, atividades de recreação, alimentação e bebidas.

Mais informações: www.banwaprivateisland.com

Mais Viagem