menu
Topo

Viagem

Roteiros de luxo


Curtindo a neve: veja destinos de esqui incríveis na Europa, Canadá e EUA

Divulgação/Cattin Val Thorens
Imagem: Divulgação/Cattin Val Thorens

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

18/11/2018 04h00

Entre os meses de novembro e dezembro tem início a alta temporada de esqui em muitos dos principais destinos de esportes de neve do Hemisfério Norte. 

São locais ideais para quem quer passar as férias deslizando entre montanhas espetaculares e, depois, curtir uma infraestrutura turística que conta com hotéis aconchegantes e restaurantes refinados.

Abaixo, conheça 10 lugares incríveis para esquiar nos Estados Unidos, Canadá e Europa -- e saiba o que estes destinos oferecerão para os viajantes no auge de suas temporadas de esqui, que se estendem até os primeiros meses de 2019.   

Zermatt, Suíça

Getty Images
Imagem: Getty Images

Zermatt é uma cidade suíça que oferece um atrativo mais do que especial para os amantes de esportes de neve: nesta região, é possível esquiar em uma paisagem composta pela montanha Matterhorn (na foto), uma das mais bonitas da Europa, cujo cume está a 4.478 metros de altitude.

Durante o inverno europeu, o lugar chega a ter quase 200 km de pistas de esqui, para os mais diversos níveis de habilidade. Os esquiadores podem atingir uma altura de quase 3.900 metros. 

Zermatt ainda oferece mais de 100 hotéis, além do famoso Matterhorn Glacier Paradise, um dos passeios de teleférico mais bonitos da Europa. 

Aspen, EUA

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Aspen é uma cidade localizada no estado norte-americano do Colorado e que é célebre por se encontrar rodeada por excelentes pistas de esportes de neve. 

Lá, turistas do mundo inteiro se divertem deslizando em lindos recantos como Snowmass e Aspen Mountain.

Snowmass, por exemplo, tem trajetos esquiáveis que passam no meio de bosques e entre lindos cenários montanhosos. É um lugar indicado para praticantes com mais experiência, devido ao alto grau de dificuldade da maioria de seus trajetos.

A zona de esqui conhecida como Buttermilk, por sua vez, é mais recomendada para iniciantes: são cerca de 34 km de pistas e 35% delas classificadas com fáceis. 

Além disso, Aspen é um destino tradicionalmente frequentado por turistas endinheirados: não faltam lojas de grife e restaurante de alta gastronomia por lá.  

Cortina d'Ampezzo, Itália

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Sede dos Jogos Olímpicos de Inverno de 1956, Cortina d'Ampezzo é um famosíssimo destino de esqui na Itália. O local está situado na região alpina das Dolomitas e é cercado por algumas das paisagens montanhosas mais bonitas da Europa.

Em Cortina há cerca de 120 km de trajetos para a prática de esportes de neve como esqui e snowboard, com níveis de dificuldade para todos os perfis de turistas, dos novatos aos mais experientes. 

Além disso, a vila de Cortina d'Ampezzo é linda: trata-se de um lugar conhecido pela sua vida social intensa, recheada de restaurantes sofisticados, áreas de shopping com lojas de grife, barzinhos animados por gente endinheirada e hotéis acolhedores.   

Chamonix, França

Getty Images
Imagem: Getty Images

Não é à toa que Chamonix que é um destinos de esqui mais conhecidos da Europa. Trata-de se um cartão-postal francês que fica perto do Mont Blanc, a montanha mais alta dos Alpes, com quase 4.810 metros de altura. 

Chamonix e arredores abrigam diversas zonas de esqui lindíssimas, como Tourchet (com pistas para iniciantes), Les Houches (onde os esquiadores chegam a uma altitude de 1.900 metros e de onde se tem uma vista espetacular do Mont Blanc) e Grand Montets (que chega a 3.300 metros de altitude e com descidas desafiadoras). 

Além disso, esta região oferece excelentes hotéis e restaurantes para o turista. 

Telluride, EUA

Getty Images
Imagem: Getty Images

O Estado norte-americano do Colorado também abriga o excelente Telluride Ski Resort. 

É um lugar cercado por um dos mais belos cenários montanhosos dos Estados Unidos, onde tanto esquiadores novatos como experientes podem se divertir. 

Cerca de 60% das pistas do local são ideais para esquiadores e snowboarders com pouco ou média experiência. Há muitas áreas projetadas para permitir que crianças possam praticar esportes de neve, como a zona conhecida como Enchanted Forest, com rota que passa no meio de um belo bosque. 

Tremblant, Canadá

Getty Images
Imagem: Getty Images

No resort Tremblant, localizado na região canadense de Québec, turistas podem praticar esportes de neve com vista para uma linda vila com construções de estilo europeu. 

No local, que se espalha por uma área de 305 hectares, existem 102 diferentes trajetos de esqui e snowboard, que, somados, têm mais de 80 km de extensão. Há, no total, 22 rotas para iniciantes, 31 classificadas como difíceis e 49 trajetos classificados como extremamente desafiadoras. 

O resort também oferece hotéis confortáveis e opções gastronômicas que vão de simples lanchonetes a restaurantes sofisticados.  

Vail, EUA

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Vail é um destino de esqui nos Estados Unidos que oferece inúmeros terrenos para a prática de esportes de neve. 

Ao redor de um lindo vilarejo com hotéis aconchegantes e uma excelente cena gastronômica, Vail oferece mais de 2.140 hectares de área onde turistas podem esquiar no meio de belíssimos cenários montanhosos. 

Cerca de 53% das áreas de esqui de Vail (como a fantástica área batizada de Siberia Bowl) são para esquiadores experientes. Um total de 29% do terreno é para intermediários e 18%, para iniciantes. 

No inverno norte-americano, Vail também sedia interessantes eventos musicais. É um lugar divertido até para quem não gosta de esportes de neve. 

Courchevel, França

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Courchevel é um destino de esportes de neve na França que mistura sofisticação com terrenos incríveis para a prática de esqui e snownboard. 

Trata-se de um lugar que abriga vilas com hotéis luxuosos, excelentes spas e uma cena gastronômica vibrante. E, para quem quiser se divertir na neve, Courchevel oferece áreas como La Saulire (que atinge 2.738 metros de altitude e é um dos mais bonitos setores de esqui da região) e Le Grand Couloir, uma das mais desafiadoras pistas de esqui do resort, onde aventureiros deslizam por trechos extremamente íngremes. 

Whistler Blackcomb, Canadá

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Localizado na região de British Columbia, no Canadá, o resort de esqui Whistler Blackcomb oferece, no auge do inverno norte-americano, cerca de 200 pistas para a prática de esportes de neve, espalhadas por uma área de aproximadamente 3.330 hectares. 

Aqui, esquiadores novatos e experientes se divertem em trajetos sobre as duas lindas montanhas batizadas de Whistler e Blackcomb, com vistas cinematográficas para toda esta região do oeste canadense.   

A vila de Whistler, por sua vez, localizada aos pés das montanhas, parece um cenário de contos de fadas, com elegantes construções de madeira e dezenas de estabelecimentos gastronômicos. 

Gstaad, Suíça

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Gstaad é um destino de esporte de neve que oferece lindíssimas pistas de esqui no meio das montanhas do sudoeste da Suíça, em altitudes que variam de 1.000 a 3.000 metros sobre o nível do mar. 

É um local que oferece aulas de esqui para turistas que não têm nenhuma experiência com o esporte e pistas com descidas radicais. Na região de Gstaad, é também possível fazer atividades bem interessantes, como esqui noturno. 

Há também diversos bares, restaurantes e hotéis em Gstaad e arredores. 

Mais Roteiros de luxo