Topo

Viagem

Lisboa: passeios originais e dicas para curtir a cidade como um local

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

19/05/2018 04h00

Nos últimos anos, Lisboa tem atraído legiões de brasileiros, seja como destino de férias ou como lugar para onde se mudar de mala e cuia. 

E isso não surpreende: além de oferecer uma qualidade de vida invejável, a capital portuguesa exibe lindas paisagens, como a Praça do Comércio, o Castelo de São Jorge, a região da Alfama e a rua Augusta. 

Mas, além destes cartões-postais famosos, a metrópole lusitana e seus arredores abrigam atrativos menos conhecidos, mas que merecem ser explorados por qualquer estrangeiro.

Para desvendar estes locais, o UOL colheu dicas com um brasileiro que mora em Lisboa há anos e com o orgão de promoção turística oficial da cidade. Abaixo, veja um roteiro original para fazer por lá. 

Passeio de barco

Getty Images
Lisboa fotografada desde Cacilhas, em Portugal Imagem: Getty Images

O brasileiro Mike Weiss, 34 anos, mora em Lisboa há quase uma década e conhece diversos passeios originais para fazer na cidade e em seus arredores (e que nem sempre aparecem nos guias de turismo). "Um deles é atravessar o rio Tejo de barco indo do Cais do Sodré até Cacilhas [um centro urbano que fica a 10 minutos de distância e conta com belas igrejinhas e calçadões para o turista passear]. De lá é possível ter uma vista espetacular de Lisboa [no horizonte aparece, por exemplo, a Praça do Comércio e a ponte 25 de Abril]. E, na hora de comer, vá ao restaurante Atira-te ao Rio, que fica ao lado do Tejo e que serve pratos de frutos do mar que são uma delícia", recomenda Mike. 

Praia da Ursa e praia de nudismo

Rosino/creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/deed.en
Paisagem paradisíaca da praia da Ursa, a oeste de Lisboa Imagem: Rosino/creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/deed.en

Situado a aproximadamente 45 quilômetros de Lisboa, o Cabo da Roca é o ponto mais ocidental da Europa continental e é bastante visitado por turistas que estão em Portugal. Porém, de acordo com Mike, há, ali perto, um cantinho paradisíaco menos explorado pelos estrangeiros. "É a praia da Ursa, uma das praias mais bonitas de Portugal e que fica escondida próxima do Cabo. É um passeio de tirar o fôlego descer a trilha que leva até esta faixa de areia". O brasileiro também recomenda uma praia de naturismo de aspecto selvagem que fica a cerca de 40 quilômetros de Lisboa: a praia do Meco. "É um lugar onde as pessoas tiram toda a roupa e curtem o pôr do sol no meio da natureza", diz ele. 

Miradouros

Getty Images/iStockphoto
Vista oferecida pelo Miradouro da Senhora do Monte, em Lisboa Imagem: Getty Images/iStockphoto

Com um terreno recheado de colinas, Lisboa é célebre por causa de seus românticos mirantes, como o Jardim de São Pedro de Alcântara e o Miradouro da Graça, ambos muito visitados por turistas em busca de visões panorâmicas da cidade. O preferido de Mike, entretanto, é o Miradouro da Senhora do Monte, que, segundo ele, costuma ficar menos lotado de viajantes. "É, para mim, o miradouro mais bonito da cidade, oferecendo vista para o centro de Lisboa, o Castelo de São Jorge e o rio Tejo. E não é tão famoso quanto os outros mirantes". No local também fica a linda capela de Nossa Senhora do Monte, que merece uma visita.     

Região hype

Wojtek Scibor/www.flickr.com/photos/128972913@N06/34833042012
Marvila é uma das novas regiões da moda na cidade de Lisboa Imagem: Wojtek Scibor/www.flickr.com/photos/128972913@N06/34833042012

Alfama e Bairro Alto são duas regiões de Lisboa que costumam ficar lotadas de turistas em busca de restaurantes e bares. Mas o cenário gastronômico e boêmio da capital portuguesa não se resume a estes dois locais. "Uma das novas zonas da moda de Lisboa é Marvila, onde galpões abandonados foram ocupados por cervejarias como a Musa [que tem diversos rótulos de apreciadas cervejas artesanais]", diz Mike Weiss. "Marvila também está cheia de restaurantes descolados, como o Aquele Lugar Que Não Existe, que sequer tem placa indicando onde fica [e que serve pizzas e comida indiana]". Esta região também oferece aconchegantes cafés (ótimos para descansar as pernas após percorrer Lisboa) e interessantes grafites nas fachadas de edifícios. 

Vida noturna e bar em antigo bordel

Getty Images/iStockphoto
Vida noturna de Lisboa reserva boas baladas para o turista Imagem: Getty Images/iStockphoto

À primeira vista, com sua profusão de igrejas e monumentos históricos, Lisboa pode até parecer um lugar conservador. Mas a capital portuguesa é, também, um ótimo lugar para fazer baladas. O brasileiro Mike Weiss indica alguns lugares da cidade para quem estiver a fim de cair na gandaia: "A discoteca Lux é uma das referências da noite lisboeta, mas há outros locais que estão pegando fogo no momento, como a Ministerium, que fica bem na Praça do Comércio. Mas é imprescindível ir bem vestido para não ser barrado na porta. Outro local bem agitado atualmente é a Pensão do Amor, um bar que ocupa o edifício onde funcionava um bordel".

Em Lisboa com tuc-tucs

Ajay Suresh/www.flickr.com/photos/83136374@N05/34198293765
Que tal explorar Lisboa a bordo de tuc-tucs? Imagem: Ajay Suresh/www.flickr.com/photos/83136374@N05/34198293765

Órgão responsável por promover a capital portuguesa turisticamente, a associação Turismo de Lisboa também indica passeios originais para fazer por lá. Entre eles estão os tours realizados a bordo de tuc-tucs (os pequenos veículos mostrados na foto acima) através ou ao redor de diversas áreas emblemáticas da cidade, como a Alfama, a Praça do Comércio, o Bairro Alto, o Jardim de São Pedro de Alcântara e os arredores do Castelo de São Jorge. Os passeios chegam a durar mais de três horas. Entre as empresas indicadas pelo Turismo de Lisboa estão a Eco Turk Tours, a City Tuk, a Local Tuk Tuk e a LX Tuk Tour. 

Tour com veículo anfíbio

Anne-Lotte O´Dwyer/creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/deed.en
Veículo atravessa as ruas e águas que banham a cidade de Lisboa Imagem: Anne-Lotte O´Dwyer/creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/deed.en

Outro tour inusitado indicado pelo Turismo de Lisboa é o passeio com a empresa HippoTrip, que leva turistas para explorar a cidade a bordo de um veículo anfíbio. Trata-se de um tipo de ônibus que, primeiramente, percorre as vias que ficam ao redor de cartões-postais como a Praça do Comércio, a Praça Marquês de Pombal e o Mosteiro dos Jerónimos. Depois, ele entra nas águas que banham Lisboa e oferece um ângulo diferente para o turista admirar monumentos como a torre de Belém e o Padrão dos Descobrimentos. O roteiro dura cerca de 90 minutos. 

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem