Topo

Viagem

Bairro de Toronto tem gente do mundo todo e maconha medicinal em lojinhas

Renê Castro

Colaboração com o UOL

05/02/2018 04h00

Em meio à maior Chinatown de Toronto há um local onde judeus, italianos, portugueses e orientais se uniram para formar a comunidade mais descolada do Canadá. A região de Kensington Market tornou-se abrigo dos primeiros imigrantes de Toronto, no século 19, e hoje é conhecida como um polo multicultural da cidade, recanto de lojinhas vintage e cafés simpáticos.

Antes de tornar-se atrativo turístico, o bairro foi obrigado a superar preconceitos, desigualdade e a falta de oportunidades. Foi a perseverança e a luta por melhores condições que fizeram dessa região o maior exemplo de renovação do centro velho da cidade.

Veja também

Tem de tudo

Com o passar dos anos, Kensington Market tornou-se também residência de designers e artistas. As casas em estilo vitoriano foram mantidas pelos proprietários, mas a criatividade dos jovens transformou as antigas moradias em pontos comerciais cheios de estilo, com direito a exposição de mercadorias na calçada e letreiros com frases criativas para atrair a clientela.

Renê Castro
Kensington Market, em Toronto - roupas vintage, quitandas, cafeterias, restaurantes, barbearias e muito mais Imagem: Renê Castro

Já pensou em almoçar em um restaurante que mistura gastronomia jamaicana e italiana em um cardápio “rasta pasta”? Que tal visitar uma loja que só vende roupas tibetanas? Um cabeleireiro especializado em cortes de famosos? Tem, também, mercadinhos de produtos frescos, bazares de roupas e muito mais.

Em meio a um movimento do governo canadense para legalizar o uso recreativo da maconha (marcado para iniciar ainda este ano), no bairro já há várias lojas que comercializam a erva para uso medicinal.

Renê Castro
Está se preparando para um apocalipse zumbi Esta loja pode te oferecer máscaras, roupas especiais e outros acessórios de sobrevivência Imagem: Renê Castro

Manter-se na vanguarda é algo que, definitivamente, não incomoda essa comunidade.

Há uma regra entre os comerciantes que não permite a venda de terrenos para grandes marcas ou investidores. Assim fica até fácil surpreender os turistas, ainda mais quando se tem vizinhos de todas as partes do mundo dispostos a investirem nos mais variados ramos de mercado.

Renê Castro
Grafiteiros e pichadores tomam conta dos becos; autorização para pintura de pontos comerciais cresce a cada dia na região Imagem: Renê Castro

Culto ao grafite

Outra grande vitória do bairro foi o reconhecimento do grafite como arte de rua. Após anos de criminalização, as pinturas, hoje, ditam boa parte da identidade de Kensington  Market.

O respeito à arte alheia é outra regra, assim como a caça aos pichadores. manter a ordem no universo do spray não é nada fácil, mas a renovação constante do bairro se encarrega de cobrir o vandalismo com muita técnica e cores vibrantes.

Renê Castro
Qualidade dos trabalhos vira marca registrada dos artistas de rua Imagem: Renê Castro
Por esses e muitos outros motivos Kensington  Market é uma das joias brutas de Toronto. Para desvendar mais segredos deste bairro, basta ser curioso e fazer as amizades certas.

Bom, bonito e barato

Os brasileiros contam com voos diretos para Toronto a partir de São Paulo, operados pela Air Canada. Se preferir uma rota com conexões, há opções de voos via Estados Unidos com a American Airlines, Delta e United, entre outras.

A oferta hoteleira em Toronto é grande e há opções para todos os gostos e bolsos. É possível achar, por exemplo, um quarto três estrelas com diárias a partir de R$ 300 bem próximo ao centro da cidade. Para quem gosta de fazer novas amizades, hostels são ótimas opções e possuem tarifas ainda mais convidativas.

Lembrando apenas que os brasileiros precisam de visto para entrar no Canadá. Um acordo entre os países, porém, facilitou o acesso e os viajantes que possuem visto norte-americano podem solicitar uma autorização eletrônica de viagem e o comprovante sai em minutos, após pagamento de cerca de R$ 22. Para os que não possuem a documentação, o Centro de Solicitação de Vistos do Canadá no Brasil é o caminho.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem