Topo

Viagem

Não tem mar, mas e daí? Minas Gerais é um dos Estados mais legais do país

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

15/12/2017 04h00

Minas Gerais não tem saída para o mar. Mas e daí? Apesar de sua falta de litoral, este Estado brasileiro é um dos destinos turísticos mais ricos do país, com uma variedade enorme de cidades históricas, recantos de ecoturismo e, como é sabido nacionalmente, uma culinária de dar água na boca. Abaixo, veja sete destinos fascinantes no território mineiro.

Belo Horizonte

GeraldoCostafotografias/Getty Images/iStockphoto
Imagem: GeraldoCostafotografias/Getty Images/iStockphoto

Bonita e divertida, Belo Horizonte é uma das capitais mais interessantes do Brasil. Se você é um turista boêmio, saiba que, aqui, existe uma oferta quase infinita de excelentes botecos, quase todos servindo cerveja geladíssima e saborosos petiscos mineiros (o bairro da Savassi é uma das melhores opções para quem está atrás deste tipo de passeio). Já quem gosta de arquitetura e paisagismo deve visitar a lagoa da Pampulha, onde se destaca a Igreja de São Francisco de Assis (com projeto de Niemeyer e painéis de Cândido Portinari). E as belas imagens continuam em locais como a linda Praça da Liberdade e a fotogênica Praça da Estação. 

Ouro Preto

Marcus Desimoni/UOL
Imagem: Marcus Desimoni/UOL

Cercada pela Serra do Espinhaço, Ouro Preto pode rivalizar, em beleza e importância arquitetônica, com algumas das melhores cidades históricas da Europa. Ao subir e descer ruas românticas vielas de pedra, o turista se depara com obras-primas como a igreja São Francisco de Assis (erguida por volta de 1770 e com sua fachada e altares laterais projetos por Aleijadinho) e a Matriz de Nossa Senhora do Pilar, com um interior forrado de ouro e esculturas angelicais. A Praça Tiradentes e o Museu da Inconfidência são outras paradas obrigatórias na cidade, assim como a rua Direita, com ótimos restaurantes de comida mineira. Ah! E Ouro Preto tem um dos Carnavais mais divertidos do Brasil (na foto). 

Tiradentes

Guilherme Andrade/UOL
Imagem: Guilherme Andrade/UOL

Assim como Ouro Preto, Tiradentes é uma verdadeira joia histórica em Minas Gerais. Em suas acolhedoras ruas de pedra, o turista encontra um casario antigo extremamente bem preservado (dentro de algumas destas casas funcionam ótimas pousadas e restaurantes de comida mineira) e igrejas que são verdadeiras obras de arte, como o Santuário da Santíssima Trindade, erguida no século 19, e a Matriz de Santo Antônio. E o melhor: muitas dessas construções têm como pano de fundo a Serra de São José, em um conjunto de paisagens capaz de encantar qualquer um. A rua da Câmara é uma das mais belas vias de Tiradentes.  

Capitólio

juliandoporai/Getty Images/iStockphoto
Imagem: juliandoporai/Getty Images/iStockphoto

Capitólio tem se tornado, nos últimos anos, um disputado destino turístico da região Sudeste. E tal popularidade tem razão de ser: trata-se de um lugar com paisagem cortada por lagos, cachoeiras e cursos d'água protegidos por enormes paredões, através dos quais é possível fazer belos passeios de barco (muitos viajantes também realizam trilhas a pé pela região). Nos dias de hoje, Capitólio oferece boa infraestrutura para os turistas que visitam a área, com pousadas aconchegantes e restaurantes oferecendo comida apetitosa. O destino fica a cerca de 290 quilômetros de Belo Horizonte.

Inhotim

David Santos Jr/UOL
Imagem: David Santos Jr/UOL

O Instituto Inhotim ocupa uma área gigantesca na cidade mineira de Brumadinho (a cerca de 60 quilômetros de Belo Horizonte) e se tornou, nos últimos anos, um dos principais complexos culturais do Brasil. O local abriga espaços de exposição de arte contemporânea espalhados entre lindos jardins, viveiros e lagos, em um ambiente que une contato com cultura e natureza como poucos locais no país. Entre os artistas que marcam presença em Inhotim estão Adriana Varejão e Hélio Oiticica. Muitas das obras foram erguidas a partir o método “site-specific”, em que o trabalho do artista dialoga com o cenário que o cerca.

Serra da Canastra

Divulgação
Imagem: Divulgação

Não faltam destinos de ecoturismo dentro do extenso território do Estado de Minas Gerais. Um dos mais interessantes deles é a Serra da Canastra, onde existe até um parque nacional: é lá que fica a nascente do lendário rio São Francisco, um dos mais importantes cursos de água do Brasil. Além disso, o parque oferece trilhas para belíssimas caminhadas, que chegam a cartões-postais como a cachoeira Casca D'Anta, com cerca de 180 metros de extensão e que pode ser admirada tanto de sua base como de seu topo. 

São Tomé das Letras

Junior Lago/UOL
Imagem: Junior Lago/UOL

São Tomé das Letras é um dos mais célebres redutos hippies do Brasil: nesta cidade do sul de Minas Gerais, sobram contato com a natureza e uma interessante atmosfera repleta de misticismo. Além de estar cercado por lindas cachoeiras, São Tomé é um dos municípios mais altos do país (está situado a 1.450 metros sobre o nível do mar): encontra-se cercado pela Serra da Mantiqueira e tem pitorescas ruas e casas construídas com bloco de quartzito. No final do dia, turistas e nativos sobem ao topo de um dos cumes da cidade (onde existe uma construção chamada de Pirâmide) para, embalados pelo som de violões, ver um pôr do sol inesquecível. A cidade tem hoje boas pousadas e restaurantes.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem