Viagem

NY lado B: conheça dez lugares pouco famosos (e fantásticos) da Big Apple

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

16/10/2017 04h00

Estátua da Liberdade, Times Square, Empire State: em Nova York estão alguns dos cartões-postais mais famosos do mundo, que, anualmente, são visitados por milhões de turistas. A Big Apple, entretanto, abriga lugares menos célebres que nem sempre aparecem nos guias de viagem – mas que são capazes de encantar (e muito) o forasteiro que explora esta metrópole norte-americana. Abaixo, conheça dez destes locais.

Governors Island

NYC & Company/Kate Glicksberg/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Kate Glicksberg/www.nycgo.com

Governors Island é uma ilha localizada na Upper Bay e que oferece um dos melhores conjuntos de visões da região que cerca Nova York: de lá os turistas podem admirar cartões-postais como o panorama recheado de arranha-céus de Manhattan, a estátua da Liberdade e a área do Brooklyn. Além disso, a ilha oferece áreas verdes, espaços para piquenique, um forte do século 18 e amplas vias para caminhadas e passeios de bicicleta. Chega-se em Governors Island pegando uma embarcação na área de Lower Manhattan.

Rockaway Beach

NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com

Nem todos sabem disso, mas a cidade de Nova York tem praias. Uma das mais famosas delas é Rockaway Beach, localizada na região do Queens e que é tema de uma célebre música dos Ramones (banda formada em território nova-iorquino). Não espere encontrar ali as belezas de uma orla tropical, mas, no verão, Rockaway Beach costuma ficar lotada de nativos e turistas, em um ambiente pra lá de divertido. O local tem areia fofa, possui estruturas de madeira onde o público pode sentar para ler um livro e, às vezes, oferece boas ondas para surfistas.

New York Botanical Garden

NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com

O Central Park não é a única área verde de Nova York que merece ser explorada. Localizado na região do Bronx, o New York Botanical Garden é uma excelente opção para quem quiser realizar um passeio agradável no meio de muita natureza. Trata-se de um jardim botânico com mais de um milhão de plantas e espécies de diversas regiões do mundo, dos trópicos aos desertos dos Estados Unidos. Há lá também uma área dedicada a plantas carnívoras. Uma das melhores épocas para visitar o local é na primavera norte-americana, quando os turistas se encantam com mais de 200 cerejeiras em flor.  

Louis Armstrong House

NYC & Company/Kate Glicksberg/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Kate Glicksberg/www.nycgo.com

É possível visitar a antiga casa de um dos maiores gênios da música norte-americana. Na região do Queens, fica o museu Louis Armstrong House, que funciona em um imóvel que serviu de residência para o intérprete de "What a Wonderful World" durante boa parte de sua vida. A casa continua mobiliada do mesmo jeito da época em que Armstrong vivia por lá. Em um passeio pelo local, o público pode ver fotos históricas e equipamentos musicais do artista, além de quadros retratando Armstrong com seu trompete.

New York Historical Society Museum & Library

NYC & Company/Marley White/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Marley White/www.nycgo.com

Em uma viagem, é importantíssimo conhecer a história da cidade que se está visitando. Em Nova York, o turista podem adquirir estas informações no New York Historical Society Museum & Library, em Manhattan. O local abriga uma abrangente exposição sobre o surgimento e o crescimento da Big Apple, abordando temas que vão da escravidão aos ataques do dia 11 de setembro, sempre mostrando objetos relacionados a todos estes períodos. O museu também sedia excelentes exposições fotográficas sobre a história dos EUA, como o envolvimento do país na Guerra do Vietnã. 

Apollo Theater

NYC & Company/Kate Glicksberg/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Kate Glicksberg/www.nycgo.com

Localizado no Harlem, a casa de espetáculos Apollo Theater é extremamente famosa entre amantes da música, mas é ignorada por muitos turistas que visitam Nova York. Trata-se de um local perfeito para quem quer fazer um passeio que una cultura e história: lá se apresentaram, no começo de suas carreiras, artistas como Ella Fitzgerald, Billie Holiday e Sammy Davis Jr. E a boa notícia é que, nos dias de hoje, o local ainda sedia shows musicais e de danças de excelente qualidade. Um ótimo lugar para curtir uma noite no Harlem.  

Brooklyn Bridge Park

NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com

Localizado à sombra da ponte Brooklyn Bridge, o Brooklyn Bridge Park proporciona ao turista algumas das melhores fotos de sua viagem. Isso porque o local oferece uma vista fantástica para os arranha-céus de Manhattan, para o rio East River e para a própria ponte que lhe dá o nome. Nativos e forasteiros vêm ao lugar para caminhar, fazer piqueniques, namorar ou simplesmente ler um livro. Sessões de cinema ao ar livre e apresentações musicais também são realizadas periodicamente por lá. 

Bares no terraço

NYC & Company/Will Steacy/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Will Steacy/www.nycgo.com

Em Nova York, poucas coisas são mais agradáveis do que tomar um drinque no terraço de alguns dos arranha-céus da cidade. Nem todos sabem, mas há diversos hotéis que oferecem este tipo de espaço (o que por si só, já vale a estadia nestes lugares). Entre os estabelecimentos que têm bares com excelentes vistas estão o Hudson Hotel (na foto, em cujo topo está o Sky Terrace, no coração de Manhattan), o Hugo Hotel (no SoHo, com um bar com vistas espetaculares do rio Hudson) e o Conrad New York, com um terraço com vista para a Estátua da Liberdade.   

Ellis Island

NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Julienne Schaer/www.nycgo.com

Ellis Island é uma atração turística bem famosa entre estadunidenses, mas nem sempre é visitada pelos forasteiros. Situada ao lado da Estátua da Liberdade, a ilha (e os edifícios que existem dentro dela) foi usada como porta de entrada para cerca de 12 milhões de imigrantes que chegaram aos Estados Unidos entre os séculos 19 e 20. O local é hoje um museu que conta a história desta entrada de estrangeiros em território norte-americano e de como eles ajudaram a construir a nação estadunidense. Um excelente passeio histórico.  

City Hall Park

NYC & Company/Phil Kline/www.nycgo.com
Imagem: NYC & Company/Phil Kline/www.nycgo.com

Manhattan é um lugar ideal para ser explorado a pé. Hora ou outra, entretanto, o turista irá ficar um pouco extenuado. Para dar um descansada, escolha o City Hall Park, uma linda área verde que fica ao lado de Lower Manhattan, bem perto da entrada da Brooklyn Bridge. Trata-se de um espaço cercado por lindos edifícios e marcada por uma fonte de água. É só se sentar em um de seus bancos, fazer um lanche e observar o interessante cenário humano nova-iorquino passando na sua frente. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem

Topo