Copa 2018

Vai à Copa da Rússia? Veja como não cair em roubadas

Fabio Aleixo/UOL
Imagem: Fabio Aleixo/UOL

Fabio Aleixo

Colaboração para UOL

03/10/2017 04h00

Entre 14 de junho e 15 de julho de 2018, a Rússia realiza a Copa do Mundo de Futebol. Ótima oportunidade para conhecer um país que recebe cada vez mais visitantes e se firma como um dos principais destinos turísticos da Europa.  Mas a viagem exige bastante planejamento. Por isso, o UOL preparou um guia com as melhores dicas para evitar frias e desfrutar o país.

Preciso de visto?

Para o cidadão brasileiro, é necessário um passaporte com validade mínima de seis meses até a data de saída da Rússia. Não é necessário visto para estadias de até 90 dias. Para quem tem passaporte europeu, sim. Mas quem tiver ingressos para os jogos terá entrada facilitada por meio da Fan ID (identidade do Fã), obrigatório para ter acesso às arenas. Um site explica como fazer isso.

Preciso de outros documentos?

Sim. Na imigração, podem solicitar a exibição da passagem de volta. Se for ficar por mais de sete dias, é necessário fazer o registro migratório. Ficando em hotel ou albergue, o estabelecimento fornecerá isso em poucos minutos. Se alugar um apartamento, o responsável pelo registro será o proprietário. Raramente há checagem desse documento pelas autoridades, mas, se houver e você não o apresente, poderá receber uma multa e uma advertência, que poderão dificultar uma entrada no futuro.

Qual moeda devo levar?

Fabio Aleixo/UOL
Imagem: Fabio Aleixo/UOL

A moeda oficial da Rússia é o Rublo (que vem em notas de 10, 50, 100, 200, 1.000 e 5.000 e moedas de 1, 5, 10 e 50 kopeks e 1, 2, 5 e 10 rublos) e é a única aceita para compras. Trocar Real em solo russo é praticamente impossível. Então, leve Dólares ou Euros. que são trocados facilmente.

Onde trocar dinheiro?

Prefira os bancos. A maioria não cobra comissão e oferece taxas melhores. Cuidado com casas de câmbio, principalmente as localizadas perto de pontos turísticos. Elas oferecem valores muito melhores do que os bancos, mas sem informar que cobram comissão. Você vai descobrir só depois de ter recebido seu dinheiro (bem menos do que imaginava).

Você pode usar o conversor de moedas do UOL para calcular quanto quer levar. Quer um exemplo? Um combo no McDonald's sai por 300 Rublos (cerca de R$ 16). Uma garrafa de cerveja de 500 ml custa 70 rublos (R$ 3,80) no supermercado.  Os cartões de crédito mais aceitos são Visa e Mastercard. Nos estádios, apenas o cartão Visa será aceito, pois a marca é parceira da Fifa.

Melhor avião ou trem?

Fabio Aleixo/UOL
Trem expresso Sapsan, que liga Moscou a São Petersburgo Imagem: Fabio Aleixo/UOL

Como as distâncias na Rússia são grandes, a maneira mais rápida de se locomover entre cidades é o avião. A principal companhia aérea do país é a Aeroflot, que conta com a subsidiária Rossiya. Outras companhias que operam voos regulares para os mais variados destinos são a S7, Utair, Ural Airlines e Pobeda. Todas têm sites em inglês para reservas.

A malha ferroviária da Rússia é uma das melhores do planeta e é possível chegar a qualquer lugar do país. Trens de alta velocidade só entre Moscou e São Petersburgo e Moscou e Nizhny Novgorod. O valor é semelhante ao de avião, com a vantagem que leva diretamente do centro de uma cidade para outra com conforto. Todas as sedes do Mundial são ligadas por trens e torcedores com ingressos e o Fan ID poderão usufruir de viagens gratuitas após cadastro no site.

Vale a pena alugar um carro?

Quem quiser alugar um carro precisa ter carteira internacional de habilitação e se preparar para encarar longas distâncias. Além disso, o trânsito de Moscou é complicadíssimo, semelhante ao de São Paulo ou Rio de Janeiro. Há a opção de se pegar caronas em sites específicos, mas é necessário um mínimo de conhecimento de russo para se comunicar com o motorista.

Se você viajar por via terrestre para Kaliningrado, precisará passar por ao menos outros dois países (Belarus e/ou Lituânia/Polônia), o que pode aumentar bastante o tempo de viagem, por causa de controle nas fronteiras --apesar de brasileiros não precisarem visto para nenhuma dessas nações.

Como me locomover nas cidades?

Fabio Aleixo/UOL
Estação de metrô Arbatskaya, em Moscou Imagem: Fabio Aleixo/UOL

O transporte público é muito eficiente nas principais cidades russas, incluindo os aeroportos. Linhas de ônibus especiais para os estádios serão criadas durante a Copa do Mundo. Em Moscou e São Petersburgo, os maiores municípios do país, há um excelente sistema de metrô, ônibus e bondes. Se for passar muito tempo na capital, compre cartões com muitas viagens.

Em Moscou, o horário de funcionamento do metrô é das 5h30 à 1h e vai a praticamente qualquer lugar da cidade, com 206 estações e 339,1 km de extensão, sem incluir aqui os sistemas de trem circular, localizado fora do centro, e o monotrilho. A sinalização é ótima e há aplicativos em inglês que traçam a melhor rota para se chegar ao seu destino.

Evite pegar um táxi na rua. Use aplicativos como Uber, Yandex Taxi e o RuTaxi. Em aeroportos, procure guichês oficiais e evite motoristas que abordaam turistas no desembarque. 

Preciso me preocupar com violência urbana?

Assaltos com armas são raros nas áreas frequentadas pelos turistas. A presença da Polícia é ostensiva. Claro que como em todo lugar do mundo é bom prestar atenção com os batedores de carteira, que agem principalmente em transportes públicos e aglomerações.

Como o terrorismo é uma preocupação, em todas as estações de metrô de Moscou há detectores de metais e funcionários fazem checagem esporádicas em mochilas. Racismo e homofobia ainda são um problema em algumas áreas do país. Caso você tenha algum tipo de problema, não hesite em procurar a Embaixada Brasileira em Moscou. Há atendimento telefônico de emergência nos números +7 4953630366  e +7 495 960 8148  

Como me manter conectado?

Há wi-fi gratuito na maioria dos restaurantes, nas principais ruas do centro de Moscou e todos os trens do metrô e hotéis. Os pacotes de dado oferecidos pelas companhias telefônicas da Rússia são baratos e a qualidade da conexão é ótima nas principais cidades. As principais operadores são a Megafon, MTS e Beeline, com diversas lojas e quiosques espalhados pelos municípios. Para adquirir um chip é necessário apenas apresentar o seu passaporte.

Não caia em golpe de ingressos

O único canal oficial de venda de ingressos é o site da Fifa. Eles já podem ser solicitados. Serão cinco diferentes períodos de venda, que irão até a Copa. No primeiro e terceiro período, haverá sorteio entre os interessados. No segundo quarto e quinto, quem chegar primeiro leva.

O torcedor que quiser acompanhar os sete jogos de uma seleção até a decisão pagará US$ 1.345 (R$ 4.204) no bilhete de categoria 3, o mais barato. Na categoria 1, com melhor visão do campo, o total será de US$ 3.090 (R$ 9.658). Se você desejar ver a abertura, que terá a Rússia contra um rival ainda indefinido, pagará entre US$ 220 (R$ 687) e US$ 550 (R$ 1.720).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Copa do Mundo 2018
EFE
AFP
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol - Álbuns
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
LancePress
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
EFE
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
LancePress
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte
AFP
EFE
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte
UOL Esporte
UOL Esporte
UOL Esporte - Futebol
AFP
UOL Esporte - Futebol
AFP
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte
LancePress
EFE
Topo