Viagem

Brasil, EUA, Austrália... Conheça 10 lindos Patrimônios da Unesco no mundo

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

27/09/2017 04h00

Há diversos destinos turísticos ao redor do globo que, por sua importância natural ou cultural, são considerados Patrimônios Mundiais pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Trata-se de lugares que têm tudo para fascinar o turista com paisagens e histórias inesquecíveis. Abaixo, conheça dez dos mais lindos Patrimônios da Unesco no planeta.

Rio de Janeiro (RJ)

Getty Images
Imagem: Getty Images

O Rio de Janeiro está na lista dos Patrimônios Mundiais da Unesco. A entidade considera que as “paisagens cariocas entre as montanhas e o mar são um ambiente urbano excepcional com importantes elementos naturais, indo dos picos da Floresta da Tijuca até o oceano”. "Neste espaço se destacam lugares como o Jardim Botânico, a estátua do Cristo Redentor sobre o Corcovado e as colinas ao redor da Baía de Guanabara. Tudo isso contribui para a cultura de vida ao ar livre que existe nesta cidade espetacular", elogia a entidade. 

Costa Amalfitana (Itália)

Marcel Vincenti/UOL
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

Localizada no sul da Itália, a cerca de 70 km de Nápoles, a Costa Amalfitana é um dos destinos litorâneos mais lindos da Itália –e está na lista de Patrimônios Mundiais da Unesco. É uma região que reúne cidades pitorescas construídas sobre colinas e debruçadas sobre o mar Mediterrâneo, em um ambiente mais do que agradável para curtir o verão europeu. “A Costa Amalfitana é um lugar de grande beleza e diversidade natural. O lugar abriga vilas como Positano e Ravello, que exibem obras arquitetônicas de grande importância. É um exemplo impressionante de paisagem mediterrânea, que se destaca por sua topografia dramática”.

Grande Barreira de Corais (Austrália)

Divulgação/Tourism Australia
Imagem: Divulgação/Tourism Australia


Mergulhar nas águas da Grande Barreira de Corais é uma das experiências mais marcantes que qualquer viajante pode ter na vida. Trata-se de uma rede de recifes que se estende por cerca de 2.300 km ao longo da costa nordeste da Austrália e que abriga aproximadamente 1.500 espécies de peixes, 400 tipos de corais, seis espécies de tartarugas-marinhas e 30 mamíferos marinhos. É um mundo aquático que oferece visões impressionantes para o turista, como visto na foto acima (e que também pode ser admirado do ar, em voos de helicóptero realizados na região). Por causa de seu rico ecossistema, a Grande Barreira de Corais é considerada Patrimônio Mundial pela Unesco.

Angkor (Camboja)

Getty Images
Imagem: Getty Images


A área conhecida como Angkor foi a sede do Império Khmer, que dominou grande parte do Sudeste Asiático entre os séculos 9 d.C. e 15 d.C. No local, que hoje faz parte do Camboja, esta civilização deixou templos que viraram fascinantes atrações turísticas –e que são considerados Patrimônios Mundiais pela Unesco. Faz parte da paisagem de Ankgor o templo conhecido como Angkor Wat (na foto), cuja linda arquitetura foi inspirada no lendário Monte Meru, a montanha cósmica que, segundo textos hindus, é o eixo do universo. Visitar este monumento durante o nascer do sol irá garantir algumas das melhores fotos da sua viagem. Os templos de Bayon e Angkor Thom também são verdadeiras joias do Império Khmer. “Angkor é um lugar que abriga verdadeiras obras de arte”, diz a Unesco.

Parque Nacional Los Glaciares (Argentina)

Débora Costa e Silva/UOL
Imagem: Débora Costa e Silva/UOL


Localizado no extremo sul da Argentina, “o Parque Nacional Los Glaciares é uma área de beleza excepcional, com montanhas imponentes e diversos lagos, como o Lago Argentino, que chega a ter 160 km de comprimento”, diz a Unesco, que colocou o destino em sua lista de Patrimônios Mundiais. De acordo com a entidade, a visão mais impressionante do parque é a geleira Perito Moreno (na foto), com aproximadamente 60 metros de altura. “O Parque Nacional Los Glaciares que está recheado de paisagens remotas e encantadoras, em plena região patagônica”, elogia a Unesco. Além das geleiras, os turistas podem explorar florestas que são lar de uma numerosa fauna, que inclui raposas e o cervo conhecido como huemul.

Parque Nacional do Iguaçu (PR)

Paulo Whitaker/Reuters
Imagem: Paulo Whitaker/Reuters


O Parque Nacional do Iguaçu é considerado Patrimônio Mundial pela Unesco. É um lugar que, de acordo com a entidade, “abriga um dos mais impressionantes conjuntos de cachoeiras do mundo, além de ser lar de diversas espécies raras e em risco de extinção. A água das cataratas também contribui para o crescimento de uma densa vegetação”. As Cataratas do Iguaçu são hoje um dos destinos turísticos brasileiros mais conhecidos ao redor do planeta. E ao redor das quedas d'água, os visitantes ainda podem realizar lindas caminhadas no meio da natureza.

Centro histórico de Praga (República Tcheca)

Getty Images
Imagem: Getty Images


Praga tem um centro histórico que lembra o cenário de um conto de fadas e, por sua beleza e importância arquitetônica, está na lista dos Patrimônios Mundiais da Unesco. Segundo a entidade, a setor antigo da capital da República Tcheca é uma amostra da “grande influência cultural e arquitetônica exercida por esta cidade desde a Idade Média. Praga tem muitos monumentos magníficos, como a Catedral de São Vito, a ponte Carlos e inúmeras igrejas e palácios. Trata-se de uma das cidades mais lindas da Europa”. Uma visita à cidade deve incluir um longo passeio pela Praça da Cidade Velha (uma das mais lindas do mundo) e pelas margens do rio Moldava.

Estátua da Liberdade (Estados Unidos)

Julio Cortez/AP
Imagem: Julio Cortez/AP

Você sabia que a Estátua da Liberdade, um dos mais famosos símbolos dos Estados Unidos, é considerada Patrimônio Mundial pela Unesco? De acordo com a entidade, o monumento é uma “obra-prima do espírito humano, que junta arte e engenharia de uma maneira extremamente poderosa. Ela deu boas-vindas a milhões de imigrantes que chegaram aos Estados Unidos e se mantém como um forte símbolo de ideais como liberdade, paz, direitos humanos, democracia e oportunidade”. E uma curiosidade: a Estátua da Liberdade não foi feita na América, mas na França, e foi um presente dado pelos franceses para os EUA no século 19. 

Ouro Preto (MG)

Marcel Vincenti/UOL
Imagem: Marcel Vincenti/UOL

Não é exagero dizer que Ouro Preto é uma das cidades mais lindas do mundo, competindo, em beleza e importância arquitetônica, com muitos destinos consagrados da Europa. A Unesco chama as principais construções do município mineiro de “tesouro do gênio humano” e o considera como Patrimônio Mundial da Humanidade. “As igrejas barrocas de Ouro Preto exibem esculturas de Aleijadinho, o maior artista do Brasil colônia”, diz a Unesco. Entre os principais atrativos da cidade estão a igreja de São Francisco de Assis (que tem sua fachada e altares laterais trabalhados por Aleijadinho) e a Matriz de Nossa Senhora do Pilar (com um interior com cerca de 400 kg de ouro).

Palácio e Parque de Versalhes (França)

Tatiana Babadobulos/UOL
Imagem: Tatiana Babadobulos/UOL

O Palácio de Versalhes, nos arredores de Paris, é um dos mais impressionantes complexos arquitetônicos do mundo – e faz parte da lista de Patrimônios Mundiais da Unesco. “Este local foi a principal residência dos monarcas da França entre os reinos de Luís 14 e Luís 16. Embelezado por diversas gerações de arquitetos, escultores, decoradores e paisagistas, tornou-se um modelo na Europa de como deveria ser uma residência real”, diz a entidade. No palácio e nas áreas ao ar livre que o rodeiam, o turista pode explorar lugares como a luxuosíssima Galeria dos Espelhos e jardins que são verdadeiras obras de arte (como pode ser visto na foto). 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo