Topo

Viagem

Cãozinho separado do dono gera críticas a cia aérea nos Estados Unidos

Do UOL

25/04/2017 10h08

Quem não adoraria dividir a fileira do avião com um passageiro lindo, gentil e educado? Essa foi a sorte de Mark Halperin, comentarista de política do canal de TV americano NBC. A surpresa foi revelada em um post de Mark no último sábado (22) e seria incrível se não fosse um problema: o cão não era de Mark.

Após a polêmica o uso de leggings, escorpião e a expulsão de um passageiro pela United Airlines, foi a vez da concorrente Delta falhar com seus passageiros.

 

“Sério, Delta?”. Em um primeiro momento, os seguidores pensavam que o comentarista estava se queixando da companhia canina, até que Mark esclareceu que sua revolta era porque cão e dono estavam separados no voo. E os seguidores levantaram a questão: dono e cão ficariam à vontade e até seguros separados num voo?

 

 

A situação foi resolvida pelos próprios passageiros, que trocaram de lugar, mas a nem a tripulação, nem a empresa se declararam sobre o ocorrido.

 

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem