Viagem

Veja os destinos turísticos preferidos indicados por comissários de bordo

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL

21/01/2017 04h06

Eles já visitaram dezenas de países, realizaram centenas de voos e pisaram em quase todos os continentes do mundo. Quando o assunto é viagem, pouca gente tem tanta autoridade para dar opinião como comissários de bordo. 

Para ajudar os leitores que estão na dúvida sobre qual será o destino de suas próximas férias, o UOL perguntou a seis tripulantes e ex-tripulantes de grandes companhias aéreas: quais são seus lugares preferidos no planeta e que passeios merecem ser feitos nestes locais?

As dicas foram vastas e variadas, indo de sugestões de praias na Tanzânia a elogios às paisagens de Budapeste. Abaixo, veja quais são alguns dos melhores destinos turísticos do mundo na opinião dos profissionais dos ares e decida: qual deles vale a pena conhecer na sua próxima viagem?

Nova York, sempre ela

Uma das cidades mais populares do mundo entre turistas, Nova York não poderia ficar de fora desta matéria. A Big Apple é o destino preferido da Fabiana Maconi, que trabalha como comissária de bordo há 20 anos e já realizou mais de 1.200 voos para cerca de 30 países. Atualmente na companhia LATAM (criada a partir da fusão das empresas aéreas TAM e LAN), ela diz que Nova York sempre a impressiona com sua versatilidade. "Todas as vezes que tenho um voo para lá, conheço um novo lugar, um museu diferente ou um passeio que vai além dos principais pontos turísticos", conta ela. 

Arquivo pessoal
A comissária de bordo Fabiana Marconi curte as paisagens de Nova York Imagem: Arquivo pessoal

E o que não pode deixar de ser visitado pelo turista que está na cidade? "Entre os passeios que mais gosto de fazer está o Intrepid Sea, Air & Space Museum, onde podemos ver um porta-aviões com caças e outras aeronaves", indica Fabiana. "Outro local que vale a pena conhecer é o pequeno museu que retrata a atuação dos bombeiros nos atentados de 11 de setembro de 2001, que fica ao lado do observatório do novo World Trade Center".

"Para quem prefere passeios gastronômicos, eu indico o restaurante Carmine’s. O restaurante giratório do hotel Marriot, na Times Square, também vale a pena: ele fica no 48° andar do prédio e, de lá, é possível ver toda a beleza de Nova York". Para mais informações de passeios na Big Apple, clique aqui.  

Amor por Taiwan

Ana Karina Buairide trabalhou como comissária de bordo da Emirates por oito anos e, neste período, realizou cerca de 800 voos e conheceu 64 países. Entre tantos territórios explorados, ela elege a capital de Taiwan, Taipé, como sua cidade preferida no mundo. "Gostei tanto de lá que acabei voltando em férias, com minha família", relembra ela.

Arquivo pessoal
Karina gostou tanto de Taiwan que levou a família para conhecer a ilha asiática Imagem: Arquivo pessoal

"Como primeiro passeio em Taipé, recomendo a torre Taipei 101, que era a mais alta do mundo até o Burj Khalifa [em Dubai] ser construído. Vale a pena subir no edifício, a vista é linda. Há bons restaurantes e um shopping center nos andares mais baixos da torre. Quem não quiser subir até o topo da Taipei 101 (e pagar 16 dólares), pode tomar um café no Starbucks no 35º andar", indica ela. 

E as dicas continuam: "não deixe de explorar outros pontos turísticos da cidade, como o Templo Longshan, o memorial [do líder político] Chiang Kai-shek e a rua histórica Bopiliao. Quem tiver um pouco mais de energia pode chegar até a Elephant Mountain e subir (muito) em uma trilha arborizada. A vista de lá é linda. E, para terminar o dia, vá a um dos muitos mercados noturnos locais para barganhar bugigangas. O melhor, na minha opinião, é o Mercado Noturno de Shilin".

Karina também sugere um tour fora da capital taiwanesa. "É possível sair cedo de Taipé e passar o dia no Parque Nacional de Taroko, em Hualien. A viagem é linda, feita pela costa leste da ilha, passando por praias e pelo porto de Nanfangao, na cidade de Yi Lan. Chegando ao Parque Nacional de Taroko (uma das principais atrações em Taiwan), é possível fazer algumas trilhas ao longo de rios e admirar cânions gigantescos". Saiba mais sobre turismo em Taipé clicando aqui.

Uruguai, Islândia e Maceió

Atualmente chefe de cabine da Gol, Fabio da Silva Souza trabalha há mais de 11 anos como comissário de bordo e, durante sua carreira, já pôde visitar mais de 60 destinos, principalmente nas Américas. Entre os lugares que teve a chance de explorar, Montevidéu, no Uruguai, é um dos seus preferidos. "É uma cidade muito limpa, bonita, lembra um pouco a Europa", diz ele. "Além disso, a gastronomia deles é muito boa. Se você quiser comer o tradicional churrasco uruguaio, vá até o Mercado del Puerto: a carne servida por lá é suculenta, farta e gostosa".

Fabio também ressalta que, no Brasil, ama viajar a Maceió, onde geralmente pode tirar um dia de descanso entre um voo e outro. "O azul do mar que banha a cidade é único, pouco visto em outros lugares do Brasil. Dá para ficar horas nas praias da cidade, curtindo a paisagem e aproveitando a comida servida nos restaurantes e quiosques locais. Os pratos de frutos do mar são bem servidos e não são caros". 

Arquivo pessoal
O chefe de cabine Fabio Souza indica as belezas naturais da Islândia Imagem: Arquivo pessoal

Fabio ainda faz questão de indicar um país que ele conheceu não enquanto trabalhava, mas durante suas férias: a Islândia. "É um país cheio de belezas naturais, como vulcões e cachoeiras. Mesmo com o frio, é impossível não se encantar com as paisagens de lá. E eu ainda tive a chance de ver a aurora boreal, um dos fenômenos mais fascinantes que já presenciei na vida". A melhor época para admirar a aurora boreal na Islândia é entre os meses de setembro e abril. Para saber mais sobre passeios na Islândia, Maceió e em Montevidéu, clique aqui, aqui e aqui

Tours no Japão

O comissário de bordo Ruy Aquino trabalha em uma das principais companhias aéreas do Oriente Médio, mas seus destinos turísticos preferidos no mundo ficam na Ásia oriental. Atualmente empregado pela Qatar Airways, ele já realizou mais de 400 voos e pisou em 48 países. Entre tantas jornadas, elegeu Osaka e Kyoto, no Japão, como duas das cidades mais interessantes para serem exploradas.

Arquivo pessoal
Em Kyoto, Ruy Aquino posa para foto entre japonesas vestidas com roupas típicas Imagem: Arquivo pessoal

"Osaka é um lugar legal, interessante e cosmopolita, e com uma população bem mais feliz e acolhedora do que a de Tóquio", diz ele. "De lá, recomendo que o turista pegue o trem e vá para a cidade vizinha de Kyoto, em uma viagem que dura cerca de uma hora. Em Kyoto, existe o templo budista Kiyomizu-dera, onde você pode alugar um quimono estiloso e bater belas fotos durante a primavera. Nesta época, as cores das folhas são incríveis. Na cidade, há também vários restaurantes excelentes e lojas com artigos locais de muito bom gosto". Para saber sobre mais passeios em Kyoto, clique aqui.   

De bike em Zanzibar

Com sete anos de profissão, a comissária de bordo Paula Scaravelli já teve a chance de conhecer 44 países em todo o mundo. Hoje funcionária da United Airlines, ela conta que se apaixonou pelas ilhas africanas de Zanzibar, parte da Tanzânia. "É um lugar com muitas belezas naturais, paz e quietude, além de ter um mar azul-turquesa lindo", conta ela.  

"Em Zanzibar, o melhor é aproveitar o sol, o mar calmo e as pessoas do lugar, que são amigáveis e abertas a estrangeiros. Nesta ilha, minhas amigas e eu fizemos amizade com os nativos, que nos convidaram para uma roda de tambor ao redor de uma fogueira na praia e nos divertimos muito com pouquíssimo dinheiro. Você também pode fazer mergulho com golfinhos, snorkel e caiaque, além de passear de bicicleta nas praias durante a maré baixa".

Arquivo pessoal
Paula Scavarelli indica passeios de bicicleta nas praias de Zanzibar Imagem: Arquivo pessoal

Paula também já esteve em Moscou, e recomenda a capital russa como destino turístico. "Foi a cidade que mais gostei de visitar enquanto trabalhava como comissária", afirma ela. "Desde criança, eu queria conhecer Moscou, por causa de toda a história que cerca o maior país do mundo e antiga superpotência comunista. No início de 2009, tive a oportunidade de ver o Kremlin, o mausoléu do Lênin e a igreja de São Basílio de pertinho. Meu sorriso era maior do que o frio que fazia naquela noite". Saiba mais sobre Zanzibar e Moscou aqui e aqui

De barco no Danúbio

Juliana Lied fez mais de 400 voos e visitou cerca de 50 países durante seus quatro anos de trabalho como comissária de bordo. Budapeste, na Hungria, foi uma das cidades que ela mais gostou de ter visitado neste período. "Amo a beleza arquitetônica da cidade", diz ela. "A área de Buda tem uma atmosfera completamente diferente da de Peste, do outro lado do rio Danúbio. Gosto mais de Peste, as praças estão sempre cheias de jovens, feiras de rua, cafés. É uma cidade muito bonita e eu gostava de sentar em algum lugar e observar a vida em volta. As pessoas são educadas, bonitas e a comida é saborosa". 

Arquivo pessoal
Juliana Lied em um dos mirantes de Budapeste para o rio Danúbio Imagem: Arquivo pessoal

Como passeios na capital húngara, Juliana indica o tradicional tour de barco pelo rio Danúbio ("proporciona vistas muito bonitas da cidade", afirma ela) e a Ópera Estatal Húngara. "O edifício é absolutamente lindo. Recomendo assistir a uma ópera de um dos balcões do local. Quando estive em Budapeste, eu o vi o espetáculo 'The Flying Dutchman' e foi incrível".

Os tradicionais complexos de águas termais da cidade também não poderiam ficar de fora da lista. "Eu indico Széchenyi Spa, um espaço de banhos públicos onde você paga a entrada e curte as águas termais. O lugar é muito bonito", finaliza Juliana. Mais informações sobre Budapeste, aqui

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo