Viagem

Viajando com o lar: empresa projeta caminhão que vira casa de dois andares

Do UOL, em São Paulo

02/12/2016 15h28

Você é uma pessoa que ama viajar, mas que, ao mesmo tempo, sente falta do conforto de sua casa quando está na estrada? Caso a resposta seja sim, saiba que uma empresa russa desenvolveu um projeto que promete transformar caminhões em moradias de dois andares.

Como mostra o vídeo acima, o veículo puxa o que, à primeira vista, parece ser apenas um baú de transporte de carga. Porém, quando ele estaciona em seu destino, o compartimento se desdobra até virar uma enorme residência. 

A estrutura, que ainda não saiu do mundo das ideias, seria feita principalmente de madeira, com paredes de até 15 centímetros de espessura reforçadas com placas de aço. Sua área alcançaria quase 250 m². Uma versão menor, com apenas um andar, teria 140 m².

Sistemas de eletricidade e abastecimento de água estariam presentes, e, de acordo com o vídeo, o interior da casa apresentaria ambientes extremamente confortáveis, com muito espaço para o turista curtir sua viagem em qualquer lugar do planeta. Não há indicação clara nas imagens, entretanto, sobre como os moradores lidariam com os móveis quando a casa voltasse a se dobrar e virasse, novamente, apenas um compartimento do caminhão.  

Com vários desenhos arquitetônicos, a residência móvel foi desenvolvida e patenteada pela companhia de arquitetura Dahir Insaat, especialista em soluções urbanas. Se um dia sair do papel (ainda não há prazo para isso), apenas turistas com uma boa conta bancária terão a chance de comprá-la: seu preço deve chegar a 450 mil euros (aproximadamente R$ 1,7 milhão).

A empresa escreve em sua página no YouTube que os móveis poderiam ser colocados no centro da estrutura durante as jornadas na estrada: caberia ao proprietário arrumar a disposição das camas, armários, sofás e afins toda vez que chegasse a um novo destino. 

E você? Gostaria de viajar pelo mundo junto com sua casa? Deixe sua opinião na área de comentários da matéria. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo