Seria o segredo? Pesquisa diz que viajar gera mais felicidade do que casar

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images

    Afinal, melhor casar ou comprar uma bicicleta?

    Afinal, melhor casar ou comprar uma bicicleta?

O casamento nunca esteve tão em baixa quanto agora. Ao menos para os que responderam uma pesquisa realizada pelo portal "Booking.com", que entrevistou 17 mil pessoas em 17 diferentes países. Para elas, planejar e viajar de férias é mais essencial para a felicidade do que grandes eventos da vida – como o dia do próprio casamento (49%), um encontro romântico (51%), noivado (45%) e até mesmo ter um(a) filho(a) (29%). 

Ainda de acordo com a pesquisa, 70% as pessoas se consideram mais felizes viajando do que adquirando bens materiais. Tanto que 56% dos entrevistados preferem viajar a comprar vestidos, joias ou outros acessórios e quase a metade (48%) preferem fazer uma viagem a reformar a sua própria casa.   

"Em um mundo onde cada centavo e cada segundo contam, viajantes nunca buscaram tanto retorno sobre seus investimentos. Por que usar suas férias para gastar dinheiro e para ficar mais estressado e menos feliz?",  questiona Shawn Achor, estudioso e especialista em no tema "felicidade".

Organização é tudo
Segundo Achor, uma viagem bem organizada e que permita receber facilmente uma confirmação instantânea de que tudo deu certo pode fazer com que nosso nível de felicidade aumentem consideravelmente, independente do tipo de viagem e da duração.

"Isto está ligado à minha última pesquisa publicada na revista Harvard Business Review indicando que, se suas férias forem bem planejadas e tiverem baixo nível de estresse, há 94% de chance de que você volte a trabalhar com níveis mais altos de energia, comprometimento e felicidade", explica. 

E você? Pensar em viajar o deixa muito mais feliz do que lembrar do que pensar no seu relacionamento? Deixe sua opinião nos comentários.

UOL Cursos Online

Todos os cursos