Viagem

Companhia aérea Etihad Airways anuncia fim de voos no Brasil

Aero Icarus/Creative Commons
A Etihad cancelará as operações entre Abu Dhabi e SP em 26 de março de 2017 Imagem: Aero Icarus/Creative Commons

Do UOL, em São Paulo

14/11/2016 19h13

A empresa aérea Etihad Airways anunciou nesta segunda-feira (14) que, a partir de 26 de março de 2017, não irá mais realizar voos no Brasil. Desde junho de 2013, a empresa opera viagens diárias e diretas entre São Paulo e Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

O cancelamento das atividades no país são uma decorrência, segundo a Etihad, “do atual cenário econômico no Brasil, que, juntamente com a forte depreciação do real, afetaram gravemente as viagens da empresa do e para o território brasileiro”.

Em nota oficial à imprensa, a companhia também afirmou que, durante seus mais de três anos de operação no Brasil, "o desempenho da rota ficou aquém das expectativas". Por isso, "a difícil decisão de suspender indefinidamente as operações locais foi tomada". Neste período, cerca de 460 mil pessoas viajaram com a empresa entre São Paulo e Abu Dhabi – uma jornada que dura cerca de 14 horas e 30 minutos. 

Além disso, a Etihad informou que "os passageiros que já fizeram reservas em voos para depois de 25 de março de 2017 receberão o reembolso total dos bilhetes ou opções alternativas de viagem em cooperação com a companhia aérea parceira Alitalia, via Roma. Nos próximos dias, a Etihad Airways e agências de viagens parceiras entrarão em contato com os clientes para informá-los sobre o reembolso ou opções alternativas de viagem". 

Nos últimos anos, a Etihad esteve constantemente em listas das melhores companhias aéreas do planeta. O prêmio Skytrax, por exemplo, considerado uma das principais láureas do mercado da aviação, colocou a empresa como a sexta melhor do mundo em 2016. 

Uma viagem de ida e volta em sua luxuosíssima primeira classe entre o aeroporto de Guarulhos e Abu Dhabi chega a custar atualmente mais de R$ 40 mil. 

Depois do fim das operações da Etihad no país, a companhia Emirates se tornará a única opção para quem pretende realizar uma viagem direta aos Emirados Árabes Unidos a partir de São Paulo. A empresa, porém, tem como destino a cidade de Dubai, que fica a cerca de 160 km de Abu Dhabi. 

Outras baixas

Outras companhias aéreas anunciaram recentemente o cancelamento de suas operações no Brasil. Uma delas foi a empresa sul-coreana Korean Air, que operava três jornadas semanais entre São Paulo e Seul com escala em Los Angeles e, em setembro deste ano, decretou o fim destes voos. Os motivos seriam prejuízos causados pela operação e a forte concorrência da American Airlines na rota entre Guarulhos e Los Angeles.   

Já a Singapore Airlines (que também é considerada uma das melhores empresas aéreas do mundo) cancelou, no último mês de outubro, suas viagens que iam de Guarulhos a Cingapura via Barcelona, que não estavam sendo rentáveis para a companhia. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem

Topo