Viagem

No Egito, café oferece quarto onde turistas podem gritar à vontade

Divulgação/Bab Aldonia
O Quarto do Grito é uma atração do café egípcio Bab Aldonia Imagem: Divulgação/Bab Aldonia

Do UOL, em São Paulo

08/11/2016 13h57

Você já viveu um dia estressante e sofreu por não ter um lugar onde aliviar a tensão? Na região metropolitana da cidade egípcia do Cairo, um café chamado Bab Aldonia está oferecendo um espaço no qual as pessoas podem liberar à vontade suas raivas, frustrações e outros sentimentos ruins.

Trata-se do Quarto do Grito, onde os clientes entram e passam minutos berrando a plenos pulmões. E não é preciso ter medo de parecer histérico para outras pessoas: o recinto é coberto por isolamento acústico, o que garante total privacidade para o usuário.

"É uma boa maneira de combater o estresse", disse à CNN a proprietária do café, Heidi Radwan. "Quando o Cairo fica muito cansativo, e há muitas pessoas em volta, você pode entrar neste espaço e gritar no escuro". 

Os clientes não pagam nada para ficar se esgoelando no quarto e, lá dentro, há também instrumentos musicais acústicos, disponíveis para serem surrados com força. 

O Bab Aldonia fica na Cidade 6 de Outubro, parte da zona metropolitana do Cairo, e, além de egípcios estressados, tem atraído turistas curiosos. "Pessoas de todas as partes vêm aqui só para conhecer o Quarto do Grito", conta Radwan. "Eu acho que é um tipo de espaço que começará a surgir em outros cafés do Cairo". 

iStock
Os clientes podem berrar por até 10 minutos no espaço do café Bab Aldonia Imagem: iStock

E, apesar de abrigar atrações turísticas fascinantes, como o Museu Egípcio (onde está a Máscara de Tutancâmon) e o rio Nilo, a capital egípcia realmente pode estressar o turista com seu trânsito caótico, ritmo frenético e poluição sufocante. O café Bab Aldonia, que também oferece shows musicais e uma biblioteca com ótimos livros, pode ser uma boa opção para relaxar entre um passeio e outro.  

Gritar ajuda?

O Quarto do Grito do café Bab Aldonia pode realmente ter efeitos positivos nas pessoas. Em 2015, a Universidade Laurentian, do Canadá, realizou uma pesquisa para analisar os possíveis efeitos terapêuticos da atitude de gritar. Uma das conclusões da autora do estudo, a professora Sarah Pagnutti, foi a de que "gritar realmente produz um impacto no cérebro que pode melhorar o humor. Além disso, berrar não tem nenhum custo financeiro e é um processo natural que pode ser realizado por qualquer indivíduo". 

E você? Gostaria que algum café da sua cidade oferecesse um espaço deste tipo? Deixe sua opinião na área de comentários da matéria. 

Para mais informações sobre o Bab Aldonia, acesse: www.facebook.com/babaldonia/

Divulgação/Bab Aldonia
O Bab Aldonia também oferece uma biblioteca e shows musicais ao vivo Imagem: Divulgação/Bab Aldonia

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Viagem

Topo