Viagem

Em Londres: veja avião pousar em uma das pistas mais desafiadoras do mundo

Do UOL, em São Paulo

11/08/2016 10h16

A cidade de Londres tem uma das aterrissagens mais desafiadoras do mundo. 

Trata-se da pista de pouso do aeroporto London City, que fica no centro da capital inglesa, entre milhares de prédios e ao lado do rio Tâmisa.

Nesta quarta-feira (10), a British Airways divulgou um vídeo que expõe, desde a cabine do piloto, alguns detalhes de como é a chegada de suas aeronaves A318 no local. 

Narrada pela comandante Karen Atherton, a gravação mostra o avião já sobrevoando o território londrino. Lá embaixo é possível ver, do ângulo privilegiado de quem controla uma aeronave, diversos cartões-postais da cidade britânica, como a roda-gigante London Eye, a arena de eventos O2 e o The Shard, o edifício mais alto do Reino Unido, com 309,6 metros de altura.  

A visão é linda, mas são poucos os profissionais que podem realizar esta aproximação: apenas 27 pilotos da British Airways (como Atherton, que tem 26 anos de experiência) estão capacitados para pousar no London City com um A318, modelo capaz de transportar mais de 130 passageiros. 

"Trata-se de um dos mais desafiadores pousos realizados pela British Airways todos os dias", diz Atherton no vídeo. "O London City tem uma localização única, no coração de uma grande capital". 

Ercan Karaka?/Creative Commons
Vista aérea da pista do Aeroporto London City, na capital inglesa Imagem: Ercan Karaka?/Creative Commons

Além de se encontrar no meio de uma metrópole e ao lado do rio Tâmisa, o aeroporto tem uma pista cercada de água e cuja extensão é de 1.500 metros, menor que as de muitos aeroportos do mundo (a maior pista do aeroporto de Heathrow, o principal da Inglaterra, tem 3.902 metros). 

"A pista [do London City] exige precisão absoluta na hora em que tocamos o solo", avalia a comandante. "Mas só necessitamos de pouco mais da metade do asfalto para parar o avião". 

Segundo Atherton, a aproximação ao London City deve ser mais íngreme do que o normal, com a aeronave a um ângulo de descida de 5,5 graus (quando o usual é de 3 graus), o que permite um descenso mais seguro sobre o conglomerado urbano londrino. A Airbus, por sua vez, adaptou a aerodinâmica destes modelos A318 vendidos para a British Airways para que eles conseguissem fazer este pouso com estabilidade.

O vídeo acima está em inglês, mas ele indica todos os cartões-postais londrinos que podem ser vistos da cabine do piloto e proporciona imagens fantásticas na hora da aterrissagem. 

O material foi produzido para celebrar a marca de 25 milhões de milhas voadas por estes modelos A318 da British Airways, que carregam apenas 32 passageiros em uma enorme classe executiva, em voos diários entre o London City Airport e o aeroporto JFK, em Nova York. 

Divulgação/British Airways
A comandante Etherton indica cartões-postais londrinos desde sua cabine Imagem: Divulgação/British Airways

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo