menu
Topo

Viagem


Mochileiro percorre as sete Maravilhas Naturais e registra em vídeo para o UOL Viagem

Do UOL, em São Paulo

2012-08-16T15:00:00

16/08/2012 15h00

Sete Maravilhas Naturais foram escolhidas em novembro de 2011 através de uma eleição popular promovida pela New Open World Foundation. Assim que o resultado foi divulgado, o turismólogo Daniel Thompson já estava de malas prontas para embarcar rumo aos destinos selecionados e registrar as paisagens e bastidores de sua aventura para o UOL Viagem. A série de vídeos gravados por ele durante essa jornada poderá ser vista a partir de 23 de agosto.

Conhecido como o Mochileiro das Maravilhas, Thompson visitou de novembro de 2011 até julho deste ano a Table Mountain (África do Sul), o Parque Nacional de Komodo (Indonésia), a Baía Halong (Vietnã), o Rio Puerto Princesa (Filipinas), a Ilha Jeju (Coreia do Sul), as Cataratas do Iguaçu (Brasil e Argentina) e segue em breve para a Amazônia (América do Sul) para concluir o ciclo pelas Maravilhas Naturais.

O mochileiro é experiente: já carimbou seu passaporte em cinco continentes e 46 países – nem mesmo no que diz respeito à volta ao mundo e Sete Maravilhas ele é estreante. Em 2008, ele já havia visitado as candidatas às Maravilhas Modernas e registrado textos e fotos da viagem. Desta vez, no entanto, Thompson resolveu não se limitar a fotografias e relatos e montou um equipamento de vídeo para captar as paisagens.

“São três câmeras: uma é fixada em uma haste presa ao meu peito, que me filma durante todo o tempo e com quem eu converso na maior parte do tempo; outra fica no meu ombro e às vezes é colocada na minha cabeça para se aproximar ao máximo da imagem que eu estou vendo (a ideia é fazer com que o espectador sinta que está ‘viajando comigo’); a terceira eu carrego na mão, para mostrar algum detalhe, direcionar para algo interessante que eu encontre pelo caminho”, explica.

Para o mochileiro, um dos objetivos desta aventura é ajudar a divulgar o turismo brasileiro no exterior. “Quero contribuir para a defesa da preservação dos patrimônios histórico e natural mundial com a disseminação de informações sobre cada Maravilha”, conta o viajante.

Sobre as Maravilhas Naturais

O processo da eleição das Sete Maravilhas da Natureza começou em 2007, com a inscrição de 440 atrações de 200 países na disputa. Em 2009, um “júri de experts” (composto por sete pessoas, entre elas um ex-diretor da UNESCO e o próprio presidente da fundação 7 New Wonders, que promove a votação, Bernard Weber) escolheu as 28 finalistas.

Recorreu-se, então, ao voto popular para decidir quais seriam as Sete Maravilhas da Natureza: milhões de pessoas participaram da eleição, votando via internet, mensagens de celular e ligações telefônicas. No dia 11 de novembro de 2011, foram divulgados os vencedores provisórios. De lá para cá, a organização confirmou oficialmente as Sete Maravilhas Naturais.

Para acompanhar os bastidores da viagem de Daniel Thompson, acesse seu blog, Twitter e Facebook.

Mais Viagem