Viagem

Veneza estuda restringir acesso de turistas

Da ANSA

31/08/2009 11h24

VENEZA, 31 AGO (ANSA) - A cidade italiana de Veneza está avaliando a ideia de permitir o acesso ao município somente a turistas que pernoitarem no local.

Segundo o assessor comunal para Mobilidade de Veneza, Enrico Mingardi, a proposta visa restringir o número de turistas, principalmente os que vão à cidade apenas para passar algumas horas, modalidade praticada atualmente por milhões de pessoas.

Mingardi pontuou que a medida precisa ser tomada já que há "um limite físico que não pode ser superado" e "inconvenientes que os moradores não podem mais suportar".

"É necessário estudar um projeto para introduzir um número restrito (de turistas, ndr.). Se possui pernoite, entra, senão, não", contou o assessor.

Mingardi explicou ainda que será apresentada uma proposta, respaldada pela Região do Vêneto, onde fica Veneza, a fim de torná-la lei. "Nos próximos dias, faremos uma consulta às categorias e aos cidadãos", esclareceu o assessor.

Por sua parte, o presidente da associação veneziana de albergues, Franco Maschietto, defende que além da restrição, é preciso uma reorganização dos serviços públicos e dos terminais de acesso à cidade.

Veneza é conhecida pelo seu Festival Internacional de Cinema. Neste ano, a 66ª edição do evento ocorrerá entre os dias 2 e 12 de setembro. (ANSA)

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo