Europa para todo orçamento: um guia para economizar ou esbanjar em Berlim

GISELA WILLIAMS

New York Times Syndicate

Como experimentar o melhor de Berlim em um orçamento de US$ 250 ou US$ 1.000. Esta série Economizando ou Esbanjando sugere locais de preços altos e baixos de 10 cidades em cada uma destas categorias: Dormir, Comer, Comprar e Festejar, com listagens separadas sobre como gastar ou economizar ainda mais.
  • Oliver Hartung/NYT

    O Club der Visionare, um bar à beira do rio, semicoberto por folhagens, é uma das opções para economizar em Berlim à noite


Com US$ 250 por dia


Dormir: A única coisa que a nova rede Motel One (www.motel-one.de) tem em comum com o motel de fato é o baixo preço. Em Berlim, há quatro endereços, mas o melhor situado é o Motel One Alexanderplatz (Dircksenstrasse 36; 49-30-200-54-080), que fica no coração da área de compras de Mitte. O lobby é arejado e amistoso, com pisos de madeira escura e cadeiras-ovo azul-turquesa de Arne Jacobsen. O Motel One corta custos ao não oferecer serviço de quarto, telefones privados ou minibar, apenas uma cama confortável básica, um pequeno banheiro com chuveiro e uma TV de tela plana. Mas com diárias dos quartos simples a partir de 69 euros, ninguém está se queixando. Diária de um quarto duplo: a partir de 84 euros.

Comer: O brunch em Berlim é um ritual que não deve ser perdido, especialmente nos bairros de Prenzlauer Berg e Kreuzberg, onde os cafés competem para ver quem pode oferecer a melhor e mais barata refeição. Em Kreuzberg, experimente o Cafe Morgenland (Skalitzerstrasse 35; 49-30-611-3291), com seu bufê de café da manhã por 9 euros, repleto de saladas, pães chatos e patês caseiros, múltiplos pratos de ovos e doces. É comida suficiente para durar o fim de semana. (Reserve com pelo menos uma semana de antecedência e tente chegar antes da lotação do início da tarde.)

Se ainda estiver com fome à noite, confira o escondido Cookies Cream (Behrenstrasse 55; 49-30-2749-2940; www.cookiescream.com). Siga um beco atrás do hotel Westin Grand até uma mistura de luzes penduradas sobre uma porta. O restaurante, que serve cozinha vegetariana criativa como bolinhos de parmesão com folha de coentro, cenoura e sumo de limão, fica acima de uma boate chamada Cookies. Uma refeição com três pratos custará 28 euros, sem bebidas. Após as 20h de terça e quinta-feira (as únicas noites em que a boate abre), a entrada no Cookies é gratuita para os clientes do restaurante, de forma que ele fica lotado com um público descolado que desce após o jantar. Custo: 9 euros para o brunch, 28 para o jantar, dando um total de 37 euros.

Comprar: Se você é o tipo de pessoa que gosta de comprar coisas locais, vá ao Berlinomat (Frankfurter Allee 89; 49-30-4208-1445; www.berlinomat.com), uma butique eclética que exibe designers de Berlim, com itens como chaveiros pintados com a silhueta da cidade até macacão de bebê com estampa da icônica Torre de TV de Berlim. Compre quatro ímãs (4 euros cada) com fotos de cenas urbanas locais. Custo: 16 euros.

Festejar: No verão, algumas das festas mais bacanas ocorrem ao longo do sinuoso Rio Spree. À noite, encontrar o Club der Visionare (Am Flutgraben 1; 49-30-6951-8942; clubdervisionaere.com), um bar à beira do rio, semicoberto por folhagens, é como encontrar uma espécie de esconderijo mágico de piratas. O ambiente de madeira -deck ao ar livre, bancos e velhos engradados de peixe com flores plantadas - é cenário de uma variedade de festas dançantes de fim de noite, sendo que as melhores começam na tarde de sábado e prosseguem até a madrugada de segunda-feira. É a versão berlinense de Ibiza - mas com couvert de apenas 1 euro. Custo das cervejas e couvert: 6 euros.

Economizando: Basta checar o excelente site Berlim de Entrada Franca (www.berlin.admission-free.org) para listagens diárias de eventos culturais e musicais que não custam nada. Custo: zero.

Custo total: 143 euros, ou cerca de US$ 193.
  • Oliver Hartung/NYT

    A butique de moda subterrânea ultrachique Apartment conta com itens de moda cults e de vanguarda


Com US$ 1.000 por dia


Dormir: Quando astros como Tom Cruise procuram por um hotel de luxo intimista com serviço impecável (e proteção confiável contra paparazzi), eles se hospedam no Regent (Charlottenstrasse 49; 49-30-2033-8; www.regenthotels.com/berlin), no Gendarmenmarkt. Apesar de seus 195 quartos, ele parece um clube privado. E seu Fischers Fritz, que é especializado em peixes e frutos do mar, é o único restaurante duas estrelas Michelin em Berlim. Diária de um quarto de luxo: a partir de 295 euros.

Comer: Desde que o chef Tim Raue deixou o Restaurant 44, seu lar no Swissotel, os gourmets de Berlim aguardavam por seu próximo passo. A resposta foi revelada no ano passado: Raue e sua esposa, a sommelier Marie-Anne, foram recrutados pelo Adlon Holding Group para abrir um local de inspiração asiática com potencial de estrela Michelin. Os resultados foram o Ma Tim Raue and Uma (Behrenstrasse 72; 49-30-3011-1733-3; www.ma-restaurants.de), duas salas como porta-jóias. O Ma é o espaço criativo de luxo de Raue e o Uma é um bistrô de inspiração japonesa, mais casual. O resultado foi positivo. Cinco meses após sua inauguração, o Ma Tim Raue ganhou uma estrela Michelin. O Aroma Revolution Menu com seis pratos de Raue, que pode incluir pepino do mar catalão com creme de cogumelo porcini e espuma de manteiga de noz, custa 128 euros por pessoa. O almoço é o horário ideal para experimentar outros restaurantes premiados de Berlim, incluindo o Fischers Fritz, que tem um almoço com dois pratos por 28 euros. Custo do almoço e jantar: 156 euros.

Comprar: As ruas de comércio em Hackesche Hofe e arredores, no distrito de Mitte, estão começando a se parecer um pouco com o SoHo em Nova York -margeadas por butiques internacionais como Hugo Boss e Max Mara. Mas algumas das lojas mais exclusivas do bairro ficam escondidas em pátios e atrás de fachadas cobertas de grafite. Use seu dispositivo GPS quando tentar localizar a butique de moda subterrânea ultrachique Apartment (Memhardstrasse 8; 49-30-2804-2251; www.apartmentberlin.de), cujo acesso se dá descendo uma escura escadaria em espiral nos fundos de uma loja toda branca, vazia e sem letreiro. O espaço como uma caverna conta com itens de moda cults e de vanguarda. Preço de uma viseira de couro Rick Owens: 110 euros.

Festejar: A vida noturna underground de Berlim está começando a vir à tona em locais elegantes como o Bar Tausend (Schiffbauerdamm 11; 49-30-4171-5396; www.tausendberlin.com). O espaço retangular longo e escuro criado pelo projetista Robert Neun, de Berlim, é ancorado em uma parede por um enorme olho metálico tridimensional, que reflete todo o salão ao mesmo tempo em que emite um brilho dourado. A entrada custa 10 euros, e os drinques, criados pelo mixologista premiado Mario Grunfelder, custarão aproximadamente o mesmo. Custo da entrada e do drinque: 20 euros.

Esbanjando: Vale a pena contratar um guia bem relacionado para mostrar a dinâmica cena de arte contemporânea de Berlim. A GoArt! Tours (49-30-3087-3626; www.goart-berlin.de), fundada por dois ex-curadores de arte, oferece uma variedade de passeios que abrem portas para coleções privadas e galerias que ficam escondidas atrás de lojas de autopeças. Preço de um passeio de duas horas: a partir de 170 euros.

Custo total: 751 euros, ou cerca US$ 1.013, com o euro cotado a US$ 1,35.

Tradução: George El Khouri Andolfato

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos