Viagem

O que você precisa saber antes de embarcar em um cruzeiro com crianças

Getty Images
Navios têm estrutura e programação voltada para crianças a partir de três anos Imagem: Getty Images

13/01/2016 15h03

Ter a possibilidade de conhecer lugares diferentes – quando há paradas em diversos portos – sem a obrigação de trocar de hotel ou se preocupar com transporte. Esta é a principal vantagem de uma viagem de navio. No entanto, para usufruir desta comodidade com as crianças, e aproveitar bem o passeio, vale ficar atento.

UOL conversou com Sandra Gianelo, pediatra e neonatologista pela Universidade Federal de São Paulo, Bruno Cordaro, gerente comercial da MSC Cruzeiros, Fernanda Dominicis, gerente de marketing da Royal Caribbean, e Orlando Palhares, gerente de produtos marítimos da CVC, para listar o que é mais importante na hora de programar a sua viagem.

  • Segurança no navio

    Crianças maiores de três anos utilizam pulseiras com o número do quarto em que estão, justamente para ajudar na localização dos pais caso se percam. Também existem monitores responsáveis pelas crianças de cada faixa etária, mas eles apenas organizam o entretenimento. Para saber onde o filho está, é preciso ficar de olho. Os quartos com varanda possuem travas nas portas mas, ainda assim, não é recomendável deixar as crianças sozinhas no local sem a supervisão de um adulto.

  • Quartos

    É preciso solicitar no momento da reserva do cruzeiro um berço na cabine, caso seja necessário. Banheiras para crianças não são disponibilizadas, mas os pais podem levar uma minipiscina inflável e encher com a mangueirinha do chuveiro na própria cabine. Crianças menores de dois anos pagam apenas a taxa portuária e o seguro viagem, que é opcional. A partir desta idade, as tarifas são as mesmas dos adultos. Contudo, algumas companhias fazem promoção para o terceiro e quarto hóspedes do quarto, independentemente da idade.

  • Rotina saudável

    Crianças não costumam enjoar em viagens de navio como os adultos, mas é preciso tomar alguns cuidados. O primeiro deles é com a alimentação. De forma geral, os navios disponibilizam comida o tempo todo, no sistema all-inclusive, mas nem todo prato é adequado aos pequenos. Por isso, de acordo com a recomendação médica, basta oferecer apenas os alimentos habituais e sem excesso de gordura. Como a criança estará o tempo todo brincando e muitas horas exposta ao sol, também é importante dar bastante líquido: água mineral e sucos naturais são boas opções. Assim como a rotina alimentar, os horários de descanso da criança também devem ser preservados. Por fim, apesar da presença de médicos a bordo, vale ter em mãos um kit com os remédios recomendados pelo pediatra, para as intercorrências mais comuns.

  • Para bebês

    Pequenos com fraldas não podem entrar na piscina. Esta é uma regra comum a todos os navios e não tem negociação, pois os salva-vidas estão sempre de olho. O motivo é que, caso os bebês façam cocô na piscina, a área precisa ser interditada imediatamente e, de forma geral, a limpeza demora cerca de 24 horas. Para que os pequenos hóspedes possam se divertir na água, alguns navios oferecem um espaço exclusivo. Outros ainda possuem serviço de berçário e babysitter, que são cobrados à parte e, geralmente, por hora.

  • Atrações

    Além de piscina, todos os navios têm estrutura e programação voltada para crianças a partir de três anos e que não usam fraldas. Na frota da Royal Caribbean, por exemplo, existe uma parede de escalada, espaço para jogar golfe e shows infantis (todos em inglês). Alguns navios ainda oferecem pista de patinação in-line e no gelo, simulador de surfe e paraquedismo, além de tirolesa, carrossel, pista de carrinho bate-bate e videogames. A MSC diponibiliza brinquedos educativos e da marca Lego, além de consoles de Xbox e Wii disponíveis. Já os cruzeiros da CVC tem brinquedos e atividades monitoradas específicas para cada faixa etária, além de jogos eletrônicos.

  • Roteiros temáticos

    Algumas empresas oferecem cruzeiros temáticos com personagens adorados pelo público infantil. Navios da Royal Caribbean podem ter personagens da DreamWorks Experience, como Shrek, Madagascar e Kung Fu Panda. Neste roteiro, além de brincadeiras, acontecem shows e café da manhã com os personagens. Já nos navios da Disney Cruise Line, cujos pacotes são comercializados por operadoras de viagem, os personagens de Walt Disney participam das brincadeiras e shows. Também há cinema em 3-D, sessões de autógrafos e fotos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo