Viagem

Fazendo a rica! Veja 4 maneiras de conseguir um upgrade para a 1ª classe

Divulgação/Air France
Site americano diz que ainda é possível conseguir um lugar na primeira classe de graça Imagem: Divulgação/Air France

Do UOL, em São Paulo

08/01/2016 14h15

Os rumores são clássicos e dizem que, se você contar uma história convincente - como a de que está indo para a lua de mel ou para algum funeral - talvez o funcionário da companhia aérea fiquesensibilizado e te presenteie com um upgrade gratuito da primeira classe. Anos atrás, a lorota poderia até ter colado, pois era uma época em que as empresas realmente suavam para vender os almejados e confortáveis assentos.

No entanto, o site da FoxNews foi pesquisar e descobriu que, com a melhora da economia, muitos viajantes passaram a comprar assentos na primeira classe e classe executiva, deixando menos opções disponíveis para upgrades. Assim, mesmo que os funcionários queiram deixar o seu dia mais feliz, eles realmente estão sem muito estoque para trabalhar.

"Não há conversa mole que dê jeito nesta situação", diz James Fraser, porta-voz da Virgin Atlantic. "Além disso, se o nosso pessoal do aeroporto conseguir dar um upgrade para alguém no dia da embarque, há um processo em que eles procuram, de forma geral, presentear os passageiros mais frequentes da empresa - ou aqueles que pagaram por uma tarifa totalmente flexível."

Na maioria das companhias aéreas, os upgrades dos lugares não vendidos tendem a ir para os clientes mais leais, ou seja, aqueles que gastam milhares de dólares todos os anos nos assentos mais caros. Inclusive, tempos atrás, esta mesma "elite" conseguia o assento de forma bem mais fácil, especialmente em voos domésticos. Agora, no entanto, muitos deles precisam aguardar até o último minuto para serem chamados para a primeira classe. Mesmo assim, segundo o site, não é preciso perder completamente as esperanças. 

Veja 4 estratégias conseguir seu lugar ao sol:

  • 1. Voe muito

    Esta é a maneira mais comum de conseguir conquistar um upgrade gratuito. A maioria das companhias aéreas costuma reservar algum espaço para os viajantes que tenham PELO MENOS 20 mil milhas. Há cinco anos, isso significava que metade ou mais passageiros de voos domésticos nos Estados Unidos iam no conforto gratuitamente. No entanto, agora não é incomum ver até 40 passageiros desta "elite" competindo por uma ou duas vagas. De forma geral, voos em rotas menos concorridas (como Nova York para West Palm Beach) possuem upgrades mais abundantes.

  • 2. Utilize milhas

    Se você não estiver uma quantidade de milhas que o coloque na elite dos passageiros frequentes, mas ainda assim possui algumas disponíveis, é possível tentar usá-las para uma atualização de lugar. Contudo, tenha cuidado: muitas companhias aéreas pedem, além delas, pagamento em dinheiro. Um exemplo: nos voos para a Europa, a American Airlines cobra 25 mil milhas, além de US$ 350 (cerca de R$ 1.411) para um upgrade da classe econômica para a executiva.

  • 3. Seja sortudo

    Às vezes, especialmente nos casos de overbooking (quando foram vendidos mais lugares do que os disponíveis) e quando as pessoas quase começam a brigar por isso, os funcionários da companhia aérea precisam tomar decisões mais aleatórias do que as baseadas nas listas da "elite". Como o trabalho deles é garantir que o avião saia na íntegra e em tempo, a maneira mais fácil é dar um upgrade fora da ordem de prioridade

  • 4. Seja sortudo... e salve uma vida

    Para a sua informação, comissários de bordo não estão autorizados a dar upgrades para ninguém, mesmo que todos os assentos estejam desocupados. Assim, nenhuma história que você contar vai funcionar como moeda de troca. A única excessão é para médicos e enfermeiras, por exemplo. Caso eles atendam um chamado de emergência no avião, os comissários de bordo podem permitir que esta pessoa se acomode na primeira classe, ou na executiva, pelo resto do voo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo