Viagem

Do Chile a Cingapura, veja piscinas de hotéis inacreditáveis pelo mundo

Marcel Vincenti

Colaboração para o UOL Viagem

12/06/2017 04h00

Nada melhor do que chegar a um hotel e ver que, ali, há uma bela piscina onde os hóspedes podem se refrescar e ganhar um bronze de respeito antes de voltar para casa. Diversos estabelecimentos pelo mundo, entretanto, transformaram este aspecto de sua infraestrutura em verdadeiras obras em arte.

Do Chile a Cingapura, existem hotéis cujas piscinas são verdadeiros cartões-postais: seja por seu tamanho, design ou porque oferecem vistas panorâmicas para paisagens espetaculares, estes tanques de água são capazes de fazer com que o turista nem queira sair à rua para conhecer os atrativos do destino que está visitando.

Abaixo, conheça dez piscinas hoteleiras capazes de impressionar o mais experiente dos viajantes. Depois, decida: em qual delas você gostaria de dar um mergulho?

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Hotel Hubertus, Itália

    Localizado nos Alpes italianos, ao lado da famosa pista de esqui Plan de Corones, o hotel Hubertus não é apenas uma hospedagem para quem quer brincar na neve. O local abriga uma piscina que, esteja calor ou frio, exige um mergulho de pessoas que gostam de nadar em lugares inusitados (e que também não tenham medo de altura). Trata-se de uma estrutura de concreto que se projeta 25 metros para fora da colina onde está o hotel, e que é sustentada por enormes peças de madeira. Esta parte suspensa fica a 12 metros do solo e tem um fundo parcialmente transparente (como é possível ver na foto). Para completar, das bordas da piscina os hóspedes podem contemplar as imponentes Dolimitas, cordilheira que faz parte dos Alpes italianos. E a água, logicamente, é aquecida. O Hotel Hubertus está situado na comuna de Valdaora, a cerca de 350 km de Milão.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Hotel Cambrian, Suíça

    O hotel Cambrian também está nos Alpes europeus (no seu caso, no vilarejo suíço de Adelboden), mas não tem uma piscina de fundo transparente como o hotel Hubertus. No quesito vista, entretanto, ele ganha de seu vizinho italiano. A piscina do estabelecimento permite que os hóspedes, imersos em uma água quentinha, possam observar um trecho magnífico da cordilheira alpina, recheado de montanhas recortadas em ângulos fotogênicos. No inverno, essas formações rochosas ficam quase que totalmente cobertas de neve, e, em épocas de clima mais ameno (como visto na foto), elas exibem resquicíos de gelo sobre terrenos verdejantes. O Cambrian também abriga saunas e salas de massagem, mas quem precisa destes mimos depois de curtir uma vista dessas?

  • Imagem: Silas Khua Flickr
    Silas Khua Flickr
    Imagem: Silas Khua Flickr

    Marina Sands Bay, Cingapura

    Esta é, talvez, a piscina de borda infinita mais famosa do mundo. Ela fica no 57º andar do hotel Marina Sands Bay, em Cingapura, e, de suas águas, os banhistas podem observar, de um ângulo privilegiado, os arranha-céus e parte dos bairros residenciais que marcam a paisagem futurista desta pequena (e riquíssima) cidade-Estado do Sudeste Asiático. A boa notícia é que a piscina fica aberta até as 23h, o que possibita que os hóspedes do Marina Sands Bay também possam curtir a iluminação intensa de Cingapura à noite.

  • Imagem: Ro27 Creative Commons
    Ro27 Creative Commons
    Imagem: Ro27 Creative Commons

    Resort San Alfonso del Mar, Chile

    No Chile, aqui pertinho do Brasil, está uma das maiores piscinas do mundo, que tem cerca de 1.000 metros (ou 1 quilômetro) de comprimento, uma superfície total de 75 mil m² e que pertence ao resort San Alfonso del Mar, localizado na balneário de Algarrobo, ao sul da turística cidade de Valparaíso, no litoral central do território chileno. A piscina é tão grande que, às vezes, hóspedes do San Alfonso del Mar chegam a brincar de esqui aquático ou passear com barquinhos sobre suas águas. E o espaço para nado é tão vasto que muitos esquecem que, ali, estão bem ao lado do oceano Pacífico, que acaba negligenciado.

  • Imagem: Irenom Flickr
    Irenom Flickr
    Imagem: Irenom Flickr

    Hotel Fasano, Rio de Janeiro

    O Hotel Fasano do Rio de Janeiro tem o que é, sem dúvida, uma das piscinas mais famosas e bem localizadas do Brasil. O lugar, que já foi frequentado por astros como Madonna e Rihanna, fica no topo do edifício, oferecendo uma vista espetacular para as praias do Arpoador, Ipanema e Leblon ? além de mostrar o oceano Atlântico se estendendo ao infinito. De lá, é também possível admirar o Morro Dois Irmãos e boa parte da área urbana da zona sul carioca. Não é preciso falar que, daqui, o célebre pôr do sol do Leblon, aplaudido pelos banhistas sempre que possível, vira um espetáculo admirado de camarote.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    The Joule Hotel, Estados Unidos

    O Joule Hotel, localizado na cidade norte-americana de Dallas, no Texas, tem uma piscina cuja estrutura se projeta por mais de dois metros para fora do edifício do estabelecimento. Sua estrutura, feita parcialmente de acrílico, tem as laterais transparentes, permitindo que os nadadores sintam que estão ?flutuando? sobre a paisagem urbana de Dallas. E a altura não é pouca: a piscina fica no décimo andar do prédio que abriga o The Joule, permitindo visões panorâmicas privilegiadas da metrópole norte-americana.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Four Seasons Xangai, China

    Até agora, só mostramos piscinas ao ar livre nesta lista. Mas, se fossem ?indoor?, poucas delas superariam a piscina do hotel Four Seasons da cidade de Xangai, na China. Borbulhante como uma hidromassagem gigantesca, o lugar é perfeito para momentos de descanso após um passeio pela frenática metrópole chinesa. De suas janelas panorâmicas, é possível ver os arranha-céus do distrito de Pudong, hoje o mais moderno e turístico de Xangai. E há amplo espaço para nadar: o local tem 18 metros de comprimento e 1,5 metro de profundidade. E lá, como em uma luxuosa bolha, os hóspedes estão quase que totalmente protegidos da poluição que domina os grandes centros urbanos da China.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Grand Hotel Tremezzo, Itália

    E que tal curtir uma piscina que fica dentro do Lago di Como, um dos principais cartões-postais do norte da Itália. Essa é uma das propostas de diversão do Grand Hotel Tremezzo, como pode ser visto na foto. Trata-se de uma estrutura flutuante, perfeita para ser usada nos meses mais cálidos do ano, como junho, julho e agosto. As águas calmas do Lago di Como fazem que a piscina quase não trema. Os banhistas, por sua vez, tem visões privilegiadas das montanhas e vilas históricas que cercam a região a partir deste tanque de água.

  • Imagem: Marcel Vicenti
    Marcel Vicenti
    Imagem: Marcel Vicenti

    Portillo, Chile

    Portillo é uma das mais lindas estações de esqui do Chile. Localizado entre as montanhas da cordilheira dos Andes, o local oferece uma abundância de pistas onde o turista pode deslizar em pouca e grande velocidade pela neve. E, depois de tanta adrenalina, nada melhor do que mergulhar em piscinas e jacuzzis que ficam de frente para um corpo de água conhecido como lagoa do Inca e de uma série de montanhas nevadas da região (como mostra a foto acima). Em meados no ano, o frio nesta região é intenso, mas, devido à sua elevada altitude, o sol também é forte, o que possibilita que os banhistas, mesmo cercados por cenários nevados, consigam ganhar um bronzeado sobre espreguiçaceiras espalhadas pelo local. Leve câmera fotográfica, pois o ângulo para grandes fotos desde a piscina é excelente.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação
    Imagem: Divulgação

    Londolozi, África do Sul

    Ok, isto não é uma piscina, mas uma hidromassagem que merece uma menção honrosa nesta lista do UOL Viagem. Este relaxante pedaço de paraíso fica no Londolozi, um complexo turístico localizado no interior da área de safáris conhecida como Greater Kruger National Park, no norte do país de Nelson Mandela. O Londolozi se situa ao lado do rio Sand, o que permite que os hóspedes admirem de perto a grande quantidade de animais selvagens que circulam pela região em busca de água. As hidromassagens de muitos quartos ficam estrategicamente virados para o rio, possibilitando que os turistas admirem, de camarote, o trânsito de elefantes, zebras, girafas e outros animais selvagens pela área.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Viagem

Topo