Ecoturismo

Rio-Santos tem história, mata e praias tão charmosas quanto as do Nordeste

Daniel Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

Viajantes experientes garantem: o litoral norte de São Paulo é tão bonito quanto o Nordeste do país. Das praias mais amplas, em São Sebastião, às menorzinhas envoltas pela mata atlântica, em Ubatuba, os turistas encontram uma diversidade impressionante. De lá até o Rio de Janeiro, a pluralidade de belezas fica ainda mais rica.

Desbravar essas praias em uma viagem de carro pela rodovia Rio-Santos - como é conhecido este trecho da BR 101 - pode ser uma surpresa aos menos atentos. Tão perto da capital paulista e acessível, a estrada oferece atrações que valem o planejamento de passar, pelo menos, cinco dias percorrendo suas curvas com paradas estratégicas.

É recomendada tanto para os românticos, que procuram momentos de privacidade e pousadas charmosas, quanto aos aventureiros, que preferem campings ou albergues menos requintados.

A saída de São Paulo com destino ao Rio de Janeiro começa com a tradicional descida pelo sistema Anchieta-Imigrantes até o Guarujá, onde a Rio-Santos inicia. Do começo ao fim de Bertioga, a estrada é uma reta cercada pela mata atlântica e vale fazer uma primeira parada na cidade no Pastel Trevo de Bertioga, para comer o famoso salgado de quase 30 centímetros. 

Guilherme Andrade/UOL
Ubatuba (SP) é cheia de pequenas e belíssimas praias Imagem: Guilherme Andrade/UOL

Os interessados em história podem fazer ainda uma visita ao forte de Bertioga, onde estão muitos manuscritos e objetos de Hans Staden. Os ávidos pelo mar devem atravessar a balsa para o Guarujá e conhecer a Prainha Branca, lotada de jovens nos fins de semana.

Ao alcançar o município de São Sebastião é que a estrada chega ao começo de seu trajeto mais interessante, que vai até o litoral sul do Rio. A partir daí, o mar vai acompanhar a lateral da estrada em muitos pontos e a vista fica mais interessante à medida que o mar vai azulando mais intensamente.

Ali começam os famosos nomes de praias que fazem o turista imaginar o que vem pela frente, são elas: Juquehy, Maresias, Praia da Baleia, Jureia, Paúba e Barra do Sahy, somente para citar algumas. Certamente, vale passar a noite e aproveitar o dia em um desses pequenos paraísos. Ilhabela é uma parada para os que estão com tempo. No mais, a ilha vale uns dias para ser bem explorada.

Em Caraguatatuba a estrada é o principal espetáculo. O turista é surpreendido em diversos momentos por sair de uma estrada típica de serra, com mata fechada, e avistar, após uma curva, uma bela praia a poucos metros do asfalto. Merecem destaque pela beleza as de Mococa, Tabatinga, Brava, Martim de Sá e do Garcês. Vale dizer que um atrativo adicional a este roteiro é a estrutura de todo o percurso. Restaurantes e pousadas são abundantes e diversos.

Ubatuba, o último município do estado de São Paulo, ostenta o impressionante número de mais de 70 praias, de acordo com seu site oficial de turismo. São muitas possibilidades, incluindo faixas de areia quase desertas, sobretudo em meios de semana fora da temporada. Os aficionados por mar devem planejar um período maior para este trecho da viagem, que vale duas noites para explorar algumas praias. 

divulgação
Praia de Maresias, em São Sebastião Imagem: divulgação

Entrando no estado do Rio de Janeiro, a ponta da Trindade dá as boas-vindas com locais antes isolados e atualmente repletos de jovens bastante animados. Logo depois, chega-se à cidade de Trindade, uma vila colonial tombada, bastante preservada, com praias e ilhas surpreendentes. Uma visita às ilhas é obrigatório. 

Naturalmente, Paraty por si só merece uma viagem dedicada, mas reserve pelo menos dois dias a este destino. Um para explorar a cidade e seus deliciosos restaurantes e outro dia para passear pelas ilhas.

A última parada antes do destino final é em Angra dos Reis, de onde parte a balsa até a Ilha Grande. Lá dá para avistar a cadeia de Ilha Grande, desativada há poucas décadas. Entre Paraty e o Rio de Janeiro, a estrada já não é mais à beira mar. A recompensa, depois de uma jornada de plena natureza, é chegar ao Rio de Janeiro, que oferece todas as opções de uma cidade grande e belas paisagens.

O roteiro completo pode ser feito em cinco dias - se seu tempo for curto, dez – se quiser aproveitar melhor cada cidade, ou, se você tiver uma folga flexível, quantos dias o turista tiver disponível. Os encantos são muitos e, muitas vezes, surpreendentes para turistas habitués das belas praias do nordeste brasileiro.

Embora o litoral norte de São Paulo tenha temperaturas mais agradáveis, o inverno não é uma opção para curtir as praias. Para obter mais informações, visite o site de turismo (endereços abaixo) de cada cidade, com indicações de hotéis, restaurantes e pousadas.

Guarujá
www.guaruja.com.br

Bertioga
www.bertiogasp.com.br

São Sebastião
http://turismo.saosebastiao.sp.gov.br/pt

Caraguatatuba
www.caragua.com

Ubatuba
www.ubatuba.com.br

Paraty
www.paraty.com.br

Angra dos Reis
www.angra.com.br/home/angra

Rio de Janeiro
www.rioguiaoficial.com.br

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo