menu
Topo

Viagem

Roteiros para badalar

Descubra os bares e comidinhas que conquistam o visitante do RJ

Renata Gama

Do UOL, no Rio de Janeiro

12/06/2013 14h32

Quando cai a noite, o lado festivo e faceiro do Rio ganha força. Seja nos bares, botecos, casas de shows ou nas baladinhas, "a night", na gíria carioca, é sempre animada.

  • Marcelo Regua/UOL

    O bar Sarau Rio, com seus grafites e mesinhas ao ar livre, oferece música ao vivo e vista privilegiada para o movimento na noite da Lapa


Revitalizada, a Lapa volta a ser a rainha da boemia. Seus arcos iluminados marcam a passagem para a diversão. Entre os ícones da noite carioca da Lapa está a casa de shows Rio Scenarium, onde de terça a domingo tem música. Instalado num casarão antigo, o lugar que é um misto de bar e antiquário também é reduto do samba, MPB, choro, forró e gafieira.

O bar Sarau Rio, com seus grafites e mesinhas ao ar livre, também oferece música ao vivo e vista privilegiada para o movimento. O local é estratégico para quem vai ou volta da Fundição Progresso ou do Circo Voador, outras duas grandes referências da noite carioca quando o assunto é cultura e bons shows.

A vizinha Santa Teresa se destaca pelos botecos - pequenos, descontraídos e cheios de  personalidade. E elas tomam as calçadas e as ruas ao redor dos bares no Largo das Neves. Seguindo pelas ruas do bairro, o Armazém Santiago, mais conhecido como  "Bar do Gomez", é reduto dos intelectuais. O Bar do Mineiro fez clientes fiéis com sua feijoada, o Bar do Arnaudo, com sua comida nordestina e a Adega do Pimenta, com a culinária alemã.

Falando em botecos, os da Vila Isabel e da Tijuca são os mais próximos para os torcedores que saírem do Maracanã para comemorar. Dá para ir a pé buscar uma mesa na redondeza da Rua dos Artistas, na Vila Isabel, ou na da Avenida Maracanã, na Tijuca.

 

Mais Roteiros para badalar