Buenos Aires é uma festa para o paladar. Na variedade dos cardápios internacionais e sofisticação dos restaurantes, concorre com capitais latinas como São Paulo e Rio de Janeiro. É normal encontrar na conta um taxa de "cubiertos", referente aos talheres e guardanapos oferecidos durante a refeição. Mas não se engane: este valor não é equilavente à nossa taxa de serviço. Lá os restaurantes não cobram os 10% costumeiros aqui no Brasil, porém é comum deixá-los por conta própria, como caixinha para os garçons.

As carnes estão entre as especialidades locais. Vale experimentar bife de chorizo, quase sempre servido com papas (batatas fritas); parilla, prato tradicional que reúne pedaços de carne assados sobre carvão ou pedaços de madeira; e choripan, linguiça servida no pão. Também há bons restaurantes de comida espanhola (a Avenida de Mayo e arredores concentram estabelecimentos), com peixes e frutos do mar apetitosos.

Para beliscar ao longo do dia há empanada, uma espécie de pastel assado geralmente recheado com carne, frango ou verduras; submarino, um tipo de chocolate quente que tem uma barra do doce mergulhada na xícara; e o famoso alfajor, doce recheado com doce de leite que faz sucesso como sobremesa e como presente.

Durante um passeio por Buenos Aires, uma boa pedida é dar uma pausa em um de seus numerosos cafés. A maioria possui ambiente gostoso e boas opções de alimentação que vão desde os salgados e doces básicos, até refeições completas. Muitos possuem pratos executivos no horário do almoço que incluem bebida e sobremesa por valores convidativos.

Dicas de quem já foi

Atrações

Cursos Online
UOL Cursos Online

UOL Cursos Online

Todos os cursos