Aiuruoca está numa região privilegiada, cercada de natureza de exuberante beleza. Diversão é o que não falta.  É preciso ficar pelo menos três dias na cidade para não perder os clássicos Vale do Matutu, Vale dos Garcias e o trekking do Pico do Papagaio, com 2.100m de altura e direito a uma vista espetacular se o dia não estiver nublado.

O município conta com mais de 80 cachoeiras, muitas imperdíveis. Para se chegar a praticamente qualquer uma é necessário caminhar, porém há opções para todas as idades e níveis de dificuldade.

Na Cachoeira do Tombo são praticadas atividades como rafting, tirolesa, canoagem e trekking. Acesso a pé a partir da cidade. A Cachoeira dos Garcias foi eleita uma das mais bonitas do Brasil e é abastecida pelo Ribeirão do Papagaio, que forma várias outras cachoeiras, como a do Zé Pedro, Esperança, Tiziu e Poço do Joaquim Bernardo. Indo para o sentido do Vale do Matutu destacam-se as cachoeiras de Deus me Livre, do Batuque, das Fadas, do Fundo e o Poço dos Macacos.

É recomendável contratar um guia local, pois os caminhos têm bifurcações e a chance de se perder é grande. As numerosas trilhas atraem também praticantes de mountain bike, cavalgadas e esportes de aventura como tirolesa e escalada.

Englobando cinco municípios, o Parque Estadual da Serra do Papagaio é refúgio de diversas espécies de mamíferos, aves e anfíbios, mas ainda aguarda estruturação.

Na área urbana os destaques são o Museu Dr. Júlio Sanderson e a Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição.

Serviço:
AGUIA - Associação dos Guias de Aiuruoca
Tel: (35) 3344-1601 ou (35) 9944-1601
 

Conheça as atrações

Dicas de quem já foi

Cursos Online
UOL Cursos Online

UOL Cursos Online

Todos os cursos