UOL Viagem

Madri

Informações sobre o álbums
  • editoria:Internacionais (Guia)
  • galeria: Madri
  • link: http://viagem.uol.com.br/album/guia/madri2_album.htm
  • totalImagens: 44
  • fotoInicial: 44
  • imagePath: http://v.i.uol.com.br/album/guia/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20130729101331
    • Dicas de viagem [49119];
    • Espanha [5643]; Madri [5642];
    • Guia de viagem [55354];
Fotos
Plaza de Felipe 2º
Plaza de Felipe 2º, em Madri. O prédio do fundo é o Palacio de Deportes, onde são a maior parte dos shows na cidade Claudia Antunes/Folhapress Mais
Palácio Real
O Palácio Real e a Catedral de Almudena ao fundo contrastando com novas construções em Madri, uma cidade que não para (a não ser na hora da siesta) Fellipe Fernandes/UOL Mais
Palácio Real
A fachada do Palácio Real impõe a sua grandeza em Madri. Hoje os Reis não vivem mais ali e o edifício com todo seu esplendor é usado apenas para recepções formais. No salão nobre foi assinado o Tratado de Adesão de Espanha à Comunidade Europeia, em 12 de junho de 1985 Fellipe Fernandes/UOL Mais
Plaza de Oriente
Ao lado do Palácio Real está a Plaza de Oriente e o Teatro Real (edifício ao fundo). Nessa praça, foi criado um panteão com esculturas dos reis mais importantes da Espanha, com destaque para a estátua do Rei Felipe 4º, obra do século 12, a primeira no mundo a trazer também um cavalo sustentado apenas pelas patas traseiras Fellipe Fernandes/UOL Mais
Plaza de Oriente
Detalhe do monumento a Felipe 4º, na Plaza de Oriente, em Madri Fellipe Fernandes/UOL Mais
Catedral de Almudena
Catedral de Almudena, construção do século 19, igreja responsável pelas celebrações ligadas à monarquia, como batismos e casamentos de integrantes da realeza Fellipe Fernandes/UOL Mais
Catedral de Almudena
Detalhe da porta da Catedral de Almudena, em Madri, fundida em bronze Fellipe Fernandes/UOL Mais
Catedral de Almudena
A nave da Catedral de Almudena mede 102 metros de comprimento e 73 metros de altura. Nessa igreja, foi celebrado o casamento do Príncipe de Astúrias, D. Felipe de Boubon e Grécia, em 2004 Fellipe Fernandes/UOL Mais
Campanário da Almudena
O campanário da Almudena guarda os sinos doados pela Galícia e consagrados pelo Papa João Paulo II a Nossa Senhora de Almudena. É a única igreja na Espanha a receber a consagração de um Papa Fellipe Fernandes/UOL Mais
La Latina
Entrada do bairro de La Latina, um dos bairros com os melhores restaurantes e bares da capital espanhola Fellipe Fernandes/UOL Mais
Ayuntamiento
O edifício e as torres do Ayuntamiento (prefeitura) de Madri, erguidos no século 17, é um dos atrativos da Plaza de la Villa Fellipe Fernandes/UOL Mais
Casa de Cisneros
Casa de Cisneros, construída em estilo plateresco - o primeiro sinal do estilo renascentista que surgiu na Espanha, cujo nome se deve à decoração que lembrava trabalhos em prata - também é um elegante edifício que vale a pena conferir por fora. A estátua é homenagem a D. Alvaro de Bazán, marquês de Santa Cruz e cavaleiro da Ordem de Santiago Fellipe Fernandes/UOL Mais
Basilica de San Miguel
Além do turismo religioso, Madri é um prato cheio para observações de diversos estilos arquitetônicos, como a fachada da Basilica de San Miguel, construída em estilo barroco em meados do século 18 Fellipe Fernandes/UOL Mais
Ruas
Conhecer Madri caminhando é a melhor forma de se descobrir a vida das ruas de bairros como La Latina, onde em agosto se celebra a Fiesta de la Paloma Fellipe Fernandes/UOL Mais
Plaza Mayor
Dotada de aura arquitetônica e histórica, a Plaza Mayor, construída em 1619 em Madri, foi palco de muitos acontecimentos importantes, como execuções públicas promovidas pela Inquisição, touradas e festivais. Hoje abriga comércios, bares e uma feira de filetelia aos domingos Fellipe Fernandes/UOL Mais
Plaza Mayor
Pórtico principal da Plaza Mayor, em Madri, reconstruído três vezes, ao longo de sua história, devido a três incêndios: em 1631, em 1670 e 1790 Fellipe Fernandes/UOL Mais
Puerta del Sol
A estátua de El Oso y el Madroño, o urso e a árvore de mirtilo (blueberry, em inglês), símbolo da capital espanhola, está localizada na Puerta del Sol Fellipe Fernandes/UOL Mais
Puerta del Sol
Na Puerta del Sol também está o Quilômetro Zero da Espanha, de onde se medem todas as distâncias no país. Reza a lenda que, quem der três pulos sobre a placa e fizer um pedido, terá o desejo realizado Fellipe Fernandes/UOL Mais
Edificio Metropolis
No encontro de duas grandes vias da cidade, as Calles de Alcalá e a Gran Via, está situado o famoso Edificio Metropolis, inaugurado em 1911 e desenhado por Jules e Raymond Février Fellipe Fernandes/UOL Mais
Gran Via
Comemorando o centenário em 2010, a Gran Via é a alma boêmia da cidade, com inúmeros teatros, considerada a Broadway madrilenha Fellipe Fernandes/UOL Mais
Plaza de Callao
Plaza de Callao é a entrada para os bairros de Chueca e Malasaña. É também um ponto de comércio informal - uma espécie de 25 de Março em São Paulo (resguardadas as devidas diferenças) Fellipe Fernandes/UOL Mais
Gran Via
Em Madri, especialmente na região da Gran Via, não é nada raro ver apresentações de artistas que divulgam pessoalmente seus espetáculos, como estratégia de marketing. Nessa foto, os bailarinos do coro de Chicago, fizeram um número rápido tentando atrair espectadores para a apresentação noturna Fellipe Fernandes/UOL Mais
Chueca
Chueca é o bairro alternativo de Madri. Boêmio, reduto GLS, de artistas e performers, é o lugar para quem busca vida noturna na cidade Fellipe Fernandes/UOL Mais
Puerta de Alcalá
A Puerta de Alcalá foi tombada como patrimônio nacional e servia de entrada da cidade no século 18. Mede 22 metros, perto do Parque del Retiro e está dedicada ao Rei Carlos 3º Fellipe Fernandes/UOL Mais
Parque del Retiro
O lago do Parque del Retiro, um dos parques mais populares e bonitos de Madri. Felipe 4º criou o Buen Retiro no século 17 para que a Corte tivesse um lugar onde se divertir Fellipe Fernandes/UOL Mais
Palácio de Cristal
No Retiro, além de inúmeras fontes, há também o Palácio de Cristal, que serviu de locação para muitos bailes da monarquia espanhola Fellipe Fernandes/UOL Mais
Palácio de Cristal
Hoje o Palácio de Cristal, em Madri, está aberto ao público e ainda recebe alguns eventos da sociedade madrilenha. Normalmente, recém-casados fazem ali suas fotos Fellipe Fernandes/UOL Mais
Parque del Retiro
Além de ser um lugar tranquilo no meio de uma metrópole, o Parque del Retiro também é espaço para exercícios físicos e de leitura Fellipe Fernandes/UOL Mais
Estátuas
Muitas estátuas e esculturas estão espalhadas pelo Parque del Retiro, em Madri, das quais se destaca a do Anjo Caído, única no mundo dedicada a Lúcifer Fellipe Fernandes/UOL Mais
Parque del Retiro
O Parque del Retiro também serve para o descanso da família madrilenha nos fins de semana Fellipe Fernandes/UOL Mais
Paseo del Prado
O Paseo del Prado e o de Recoletos, uma das ruas mais bonitas da capital, abriga o Museo del Prado, o Museu Thyssen e a Biblioteca Nacional Fellipe Fernandes/UOL Mais
Biblioteca Nacional
A Biblioteca Nacional de Madri guarda inúmeros tesouros, como documentos da época dos descobrimentos, incluindo cartas e mapas de Cristóvão Colombo Fellipe Fernandes/UOL Mais
Calle Ortega y Gasset
A Calle Ortega y Gasset, ao lado da Calle Serrano, é o ponto de comércio de luxo em Madri Fellipe Fernandes/UOL Mais
San Blás
Parte do charmoso bairro de San Blás, a Plaza de Santa Ana está no centro histórico de Madri, abriga inúmeros restaurantes, cafeterias e é ponto de encontro das pessoas aos fins de semana Fellipe Fernandes/UOL Mais
Teatro Español
Na Plaza de Santa Ana também está o famoso Teatro Español, um dos mais importantes da capital espanhola. Nessa praça, há também diversas apresentações gratuitas de flamenco Fellipe Fernandes/UOL Mais
Museo del Prado
A entrada do Museo del Prado, em Madri. O mais famoso museu da Espanha tem entre as obras expostas Velázquez e sua célebre obra 'Las Meninas'. Outros destaques são Goya com '03 de mayo de 1808'; José Ribera com seus 'Sueño de Jacob e Martirio de San Bartolomeu' Fellipe Fernandes/UOL Mais
Museo del Prado
O Museo del Prado, situado num prédio de estilo neoclássico construído em 1785, está aberto ao público desde 1819 em Madri. Apresenta as mais importantes coleções de pintura espanhola, flamenca e italiana do século 11 ao 19 Fellipe Fernandes/UOL Mais
Museo del Prado
Além de ser um ponto obrigatório para o turista que vem a Madri, o Museo de Prado e a praça em que está alocado é um importante reduto de artistas Fellipe Fernandes/UOL Mais
Iglesia de San Jeronimo
Ao lado do Prado está a Iglesia de San Jeronimo, uma das igrejas mais antigas de Madri. Nela, se casaram o rei Alfonso 13 e a rainha Victoria Eugênia, neta da Rainha Victoria da Inglaterra Fellipe Fernandes/UOL Mais
San Jeronimo
A igreja de San Jeronimo, construída no século 15, também foi palco da Missa de Coroação do Rei D. Juan Carlos 1º logo após a morte de Francisco Franco, em 1975 Fellipe Fernandes/UOL Mais
Museo Reina Sofia
Patio do Museo Reina Sofia, outro ponto de encontro de artistas em Madri, é também o pátio do Real conservatório de Música. Há sempre pintores e músicos por ali Fellipe Fernandes/UOL Mais
Homenagem
Monumento em Madri em homenagem aos espanhóis que morreram, de uma forma ou de outra, dando sua vida pelo país - entre eles os que morreram em guerras e também nos atentados de 11 de março de 2004 Fellipe Fernandes/UOL Mais
Templo de Debod
Em 1970, durante a construção da represa de Assouan, no Egito, a Espanha participou do salvamento do Templo de Debod, edificado no século 2 a.C e condenado a submergir logo que a barragem estivesse pronta. Como agradecimento, o governo do Egito, segundo dizem os espanhóis, lhes doou o templo, que foi reconstruído em Madri Fellipe Fernandes/UOL Mais
Fuente de Cibeles
A Fuente de Cibeles, localizada em uma praça de mesmo nome, é o ponto de encontro para celebrações madrilenhas. Foi ali que os espanhóis celebraram a conquista da Copa do Mundo de 2010 e é ali que os torcedores do Real Madri comemoram suas vitórias Fellipe Fernandes/UOL Mais

Últimos álbuns publicados