Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://viagem.uol.com.br/album/guia/2014/08/05/alem-das-paisagens-vilarejos-tambem-sao-atrativos-do-atacama.htm
  • totalImagens: 31
  • fotoInicial: 12
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20140805165221
    • Atacama - guia turístico [72433];
Fotos

Formação natural da região do deserto do Atacama, as Três Marias são o melhor exemplo da necessidade de cuidado com os atrativos naturais da região. Anos atrás, um turista se pendurou em uma delas e a quebrou Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Formações rochosas no deserto do Atacama, no Chile, são alguns dos atrativos naturais conhecidos da região Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Cenários do Atacama, que faz parte da região de Antofagasta, no Chile, estão a 2.400 metros e altitude Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Os vulcões Licancabur e Lasco fazem parte do cenário em passeios pelo deserto do Atacama, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Região do deserto do Atacama é uma das mais secas do mundo, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Fachada da igreja de San Lucas, em Toconao, que fica a apenas 38km de San Pedro de Atacama, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

No interior da igreja de San Lucas, em Toconao, no Chile, as estátuas que representam os santos não retratam a cruz Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

As imagens de uma lhama e de um burrinho estão cravadas na entrada da igreja de San Lucas, em Toconao, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Flamingos são presença comum nos lagos da região do deserto do Atacama, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Flamingos são presença comum nos lagos da região do deserto do Atacama, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Vista da fauna nas lagoas altiplânicas de Miscanti e Meñiques, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

A visita às lagoas altiplânicas de Miscanti e Meñiques deve ser feita pelo menos um dia depois da chegada a San Pedro do Atacama, para dar tempo ao corpo para se habituar a altitude Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Na Laguna Cejar, no Chile, a alta concentração de sal faz com que os turistas possam boiar na água Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

A visita aos Gêiseres del Tatio é um dos passeios obrigatórios para quem visita a região do deserto do Atacama, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

É necessário sair bem cedo para visitar os Gêiseres del Tatio, na região do deserto do Atacama, no Chile. A maior parte dos passeios inclui um rápido café da manhã, ainda no local Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

A visita aos Gêiseres del Tatio é um dos passeios obrigatórios para quem visita a região do deserto do Atacama, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

A irrigação proveniente do rio que corre pela região faz de Caspana, no Chile, um oásis verde no cenário desértico, com plantações em diferentes níveis Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

O pequeno museu do vilarejo de Caspana, no Chile, a pouco mais de 80km de Calama Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Peças retratando as festas religiosas do vilarejo de Caspana, no Chile, fazem parte do pequeno museu local Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

A Igreja de San Francisco, em Chiu Chiu, é datada de 1611 e considerada como a mais antiga (e ainda conservada) do Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Interior da Igreja de San Francisco, em Chiu Chiu, considerada a mais antiga (e ainda conservada) do Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Área da Igreja de San Francisco, em Chiu Chiu, abriga também um pequeno cemitério Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Inscrições rupestres em formações rochosas no vilarejo de Lasana, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Construída no século 12, a fortaleza de Pukará de Lasana ainda hoje mantém parte de sua estrutura de pé, mostrando as técnicas de construção do povo atacamenho Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Plantações na entrada do vilarejo de Lasana, no Chile Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Estruturas da fortaleza de Pukará de Lasana, no Chile, construída no século 12 Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Estruturas da fortaleza de Pukará de Lasana, no Chile, construída no século 12 Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Uma das ruas da cidade que em outros tempos abrigava os funcionários da Mina de Chuquicamata, a maior mina de extração de cobre a céu aberto do mundo Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Parquinho de diversões para os filhos dos funcionários da Mina de Chuquicamata, a maior mina de extração de cobre a céu aberto do mundo; hoje o lugar se tornou uma cidade-fantasma Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

A Mina de Chuquicamata, no Chile, tem 4,3km de comprimento, 3km de largura e 800m de profundidade Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

A Mina de Chuquicamata impressiona muito quando, da área de observação, o turista se dá conta de que as "formiguinhas" andando lá no centro do buraco são na verdade caminhões imensos fazendo o transporte do material Heloísa Dall'Antonia/UOL Mais

Além das paisagens, vilarejos também são atrativos do Atacama

Mais álbuns de UOL Viagem x

Últimos álbuns de Viagem

UOL Cursos Online

Todos os cursos