Informações sobre o álbums
  • editoria:Outros
  • galeria: 17ª Feira Nacional do Doce acontece em Pelotas (RS) até 21/06
  • link: http://viagem.uol.com.br/album/fenadoce2009_album.htm
  • totalImagens: 34
  • fotoInicial: 34
  • imagePath: http://v.i.uol.com.br/album/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20130730131539
    • Turismo gastronômico [50364];
    • Feira Nacional do Doce [59436];
    • Rio Grande do Sul [5107]; Brasil [5109];
Fotos
Entrada principal da Feira Nacional do Doce, conhecida como Fenadoce. O evento é realizado em Pelotas, cidade do Rio Grande do Sul que é famosa por seus doces deliciosos Andrea Dallevo/UOL Mais
A Fenadoce elege todo ano uma rainha e duas princesas que a representam. No meio está a rainha de 2009, Juliana Büttenbender, com as princesas Jhoritza Souza e Priscila Dias Andrea Dallevo/UOL Mais
Homem observa modelos de vestidos usados pelas rainhas das Fenadoces que ocorreram anos anteriores. A feira acontece desde 1986. Em 2000, tornou-se anual e ganhou um espaço fixo: o Centro Internacional de Cultura e Eventos Andrea Dallevo/UOL Mais
Em uma das entradas da feira há um carro guiado por uma formiga colorida, símbolo da Feira Nacional do Doce. Estima-se que são fabricados três milhões de doces para a ocasião Andrea Dallevo/UOL Mais
Uma montagem do histórico mercado municipal de Pelotas foi feita para abrigar os doces expostos. A torre ao fundo, com o relógio, é uma representação da torre existente no mercado, que data do início do século XX Andrea Dallevo/UOL Mais
Senhora compra doces em uma das lojas dispostas na área chamada de "Cidade do Doce". A entrada para o evento custa R$ 5 e inclui um vale-doce Andrea Dallevo/UOL Mais
Em um espaço separado por vitrines de vidro é possível ver a fabricação dos doces cristalizados Andrea Dallevo/UOL Mais
Para serem cristalizadas, as frutas são colocadas em grandes caldeirões, onde passam por um processo de cocção Andrea Dallevo/UOL Mais
Doceira organiza e embala os doces já prontos. A herança de fabricação dessas delícias vem dos colonizadores portugueses e alemães que habitaram a região Andrea Dallevo/UOL Mais
Em Pelotas, a marca mais reconhecida pelas ótimas frutas cristalizadas é a "Dona Zilda". Entre as frutas mais consumidas estão as laranjas, abóbora, pêssegos e figos Andrea Dallevo/UOL Mais
A própria Dona Zilda, de 79 anos, supervisiona a produção dos doces. Em 1941 ela fundou a doceria que leva seu nome Andrea Dallevo/UOL Mais
Ingredientes como frutas e açúcar são utilizados em abundância para a fabricação dos doces. A Fenadoce 2009 ocorre de 3 a 21 de junho Andrea Dallevo/UOL Mais
Quindins, brigadeiros e pães de mel, além de doces de nozes, ovos ou coco, são algumas das muitas opções açucaradas para se experimentar. A feira funciona de segunda a quinta, das 14h às 23h; e de sexta a domingo, das 10h às 23h Andrea Dallevo/UOL Mais
Os clássicos morangos com chocolate e brigadeiro são irresistíveis. Os doces de Pelotas tiveram importância significativa no desenvolvimento econômico da região Andrea Dallevo/UOL Mais
Entre as opções mais exóticas, destaque para o mousse de chimarrão, erva mate típica do sul do país. Visitantes de todo o país e de vizinhos do Mercosul vão ao evento para provar as guloseimas e realizar negócios Andrea Dallevo/UOL Mais
Os doces de ovos e bolachas levam recheios como damasco, amêndoas e ameixas pretas Andrea Dallevo/UOL Mais
Formigas coloridas são encontradas por toda a Fenadoce. Nada melhor do que esse animal que adora acúcar para representar a Feira Nacional do Doce, que recebe por volta de 300 mil pessoas a cada ano Andrea Dallevo/UOL Mais
Garrafas de vinhos são "transformadas" em gaúchos do campo, com lenço vermelho e chapéu, decorando o estande de bebidas Andrea Dallevo/UOL Mais
Garrafinhas de Jurupinga penduradas. Essa é uma bebida típica do Rio Grande, outro município do sul do Rio Grande do Sul, feita caseiramente com sumo de uvas e álcool Andrea Dallevo/UOL Mais
Aqui há vários tipos de cuias à venda para tomar chimarrão. Pendurados ao fundo, tapetes feitos com couro de vaca servem para decorar o chão dos ambientes interiores Andrea Dallevo/UOL Mais
Estande dispõe pilões com mensagens "positivas", cuias de chimarrão e luvas bem grossas na feira. As duas últimas são boas alternativas para esquentar o corpo no inverno do extremo sul do país Andrea Dallevo/UOL Mais
Conhecido em Pelotas, o "homem das facas" explica as diferenças entre os tipos que ele oferece em seu balcão Andrea Dallevo/UOL Mais
Não é só de doces que é feita a Fenadoce. Também é possível encontrar calçados de couro típicos da região sul do Brasil Andrea Dallevo/UOL Mais
A variedade de casacos de couro é grande. Eles são ótimos para aquecer o corpo durante o frio Andrea Dallevo/UOL Mais
Além disso, há muitos casacos grossos e com pele para ajudar a esquentar o corpo em Pelotas, onde é comum a temperatura cair para baixo dos 0°C Andrea Dallevo/UOL Mais
Lenços coloridos e de diversas estampas fazem a felicidade das mulheres mais vaidosas. Na Fenadoce há mais de 500 expositores de diferentes áreas, como moda, serviços e decoração Andrea Dallevo/UOL Mais
Pantufas fabricadas com pêlos de ovelha originais são ótimas para deixarem os pés quentinhos Andrea Dallevo/UOL Mais
Peças de artesanato são vendidas em estandes que muitas vezes são comandados por estrangeiros, como os peruanos, responsáveis por esses pequenos animais de cerâmica Andrea Dallevo/UOL Mais
Abajures e artigos decorativos feitos com couro representam a ala de argentinos que expõem na feira Andrea Dallevo/UOL Mais
Móveis rústicos e objetos da fazenda fazem parte das opções decorativas para se comprar na Fenadoce Andrea Dallevo/UOL Mais
Até mesas de bilhar são comercializadas na feira. A área coberta do evento tem 22 mil m² Andrea Dallevo/UOL Mais
Há ainda uma exposição de carros antigos preservados por seus proprietários, habitantes de Pelotas e região Andrea Dallevo/UOL Mais
Andrea Dallevo/UOL Mais
Fora do pavilhão também existem opções para comer, como essa barraca de churrascos. Os espetos variam entre porco, coração de frango, carne e frango Andrea Dallevo/UOL Mais

17ª Feira Nacional do Doce acontece em Pelotas (RS) até 21/06

Mais álbuns de UOL Viagem x

Veja mais: SAIBA COMO CHEGAR EM PELOTAS , VISITE A CAPITAL GAÚCHA, A 250 KM DE PELOTAS , GUIA DE DESTINOS NACIONAIS

Últimos álbuns de Viagem

UOL Cursos Online

Todos os cursos