Informações sobre o álbums
  • editoria:Outros
  • galeria: Croácia - Belezas de Dubrovnik, Zagreb, Split e Bol
  • link: http://viagem.uol.com.br/album/croacia_album.htm
  • totalImagens: 80
  • fotoInicial: 0
  • imagePath: http://v.i.uol.com.br/album/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20130730131831
    • Dicas de viagem [49119];
    • Teatro Nacional da Croácia [59321]; Academia de Artes e Ciências da Croácia [59322]; Museu de Artes e Ofícios [59323]; Palácio Diocleciano [59326]; Torre do Relógio (Dubrovnik) [59329]; Palácio do Rector [59330]; Jardim Botânico de Zagreb [59332];
    • Zagreb [5731]; Bol [59324]; Split [59325]; Dubrovnik [59328]; Croácia [5732];
Fotos
Vista noturna da praça (trg, em croata) Bana Josipa Jelačića, a praça central de Zagreb por onde passam as principais linhas de bonde Marcelo Negromonte/UOL Mais
Teatro Nacional de Zagreb, construído em 1895, na praça Marechal Tito Marcelo Negromonte/UOL Mais
Jardim do Teatro Nacional de Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Espelho com borda com as cores nacionais reflete cruzamento da rua Ilica, uma das mais movimentadas de Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Rua de pedestres com cafés, comum no centro de Zagreb, que possui cerca de 1 milhão de habitantes e é a maior da Croácia Marcelo Negromonte/UOL Mais
Ao fundo, lateral da igreja de São Marcos (fechada e em reforma), na praça de mesmo nome, na cidade alta, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Placa do Parlamento (sabor) croata reflete o palácio presidencial na praça São Marcos, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Fachada de edifício em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Trilho de bonde na rua Ilica, movimentada durante os dias de semana, vazia aos domingos, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Vista panorâmica de Zagreb; ao fundo, os prédios mais altos indicam Novi Zagreb, região mais recente e predominantemente residencial da capital croata Marcelo Negromonte/UOL Mais
A Catedral da Assunção da Abençoada Virgem Maria (Katredala Marijina Uznesenja em croata), cuja fachada está em reforma há 18 anos, é a principal igreja de Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Detalhe do pórtico da Catedral de Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Da última janela da torre Lotršćak (o ponto mais alto da cidade), construída em meados do século 13, é disparado o canhão ao lado, pontualmente ao meio-dia, todos os dias. Diz-se que o disparo serve para que as igrejas da cidade ajustem seus relógios. E faz muito barulho Marcelo Negromonte/UOL Mais
Academia de Artes e Ciências da Croácia, na praça Strossmayerov, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Bandeira croata em prédio público em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Fachada do Museu de Artes e Ofícios, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Loja de antiquários na cidade alta, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Portão de Pedra, uma das entradas para a cidade alta, construído na Idade Média, transformado em santuário católico a partir do século 18, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Luminária pública na cidade alta, em Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Lago Jarun, no sul de Zagreb, onde se pratica remo e é adequado para o banho; diversas casas noturnas funcionam em suas margens Marcelo Negromonte/UOL Mais
Chuveiro no lago Jarun, também utilizado como "praia" pelos moradores de Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Ponte no Jardim Botânico de Zagreb Marcelo Negromonte/UOL Mais
Rua na Cidade Velha, em Dubrovnik, que foi sitiada durante um ano na Guerra dos Bálcãs (1991/92) e teve cerca de 70% de suas construções destruídas pelos sérvios e montenegrinos Marcelo Negromonte/UOL Mais
A Cidade Velha de Dubrovnik é murada e tombada pela Unesco como Patrimônio Mundial da Humanidade desde 1979 Marcelo Negromonte/UOL Mais
Entre a muralha de Dubrovnik e o mar Adriático Marcelo Negromonte/UOL Mais
Bar Buža (fala-se Buja), localizado nas rochas entre a muralha e o mar, em Dubrovnik; aprecie um pôr-do-sol inesquecível Marcelo Negromonte/UOL Mais
A Cidade Velha de Dubrovnik tem calçamento e construções feitos de pedras claras, comuns na região da Dalmácia Marcelo Negromonte/UOL Mais
Porto Velho de Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Vista panorâmica de Dubrovnik; as telhas mais claras são mais antigas do que as mais escuras, que substituem as telhas danificadas na guerra de 1991 Marcelo Negromonte/UOL Mais
Limite da Cidade Velha, em Dubrovnik, cujo santo protetor é são Brás, presente em diversos pontos da cidade. Cerca de 87% da Croácia é católica Marcelo Negromonte/UOL Mais
Dubrovnik, a partir da muralha, construída entre os séculos 13 e 16 Marcelo Negromonte/UOL Mais
Muralha de Dubrovnik, cidade conhecida apropriadamente como "a pérola do Adriático" Marcelo Negromonte/UOL Mais
Ao fundo fica Lapad, região que concentra hotéis e resorts em Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
A ilha de Lokrum é a mais próxima de Dubrovnik, a cerca de 20 minutos de barco Marcelo Negromonte/UOL Mais
Detalhe de casas de Dubrovnik, no extremo sul da Croácia Marcelo Negromonte/UOL Mais
Vista panorâmica da Cidade Velha de Dubrovnik; à esquerda está a ilha de Lokrum Marcelo Negromonte/UOL Mais
Fonte de Onofrio, localizada na entrada da Cidade Velha, em Dubrovnik, e construída em 1438 para abastecer a cidade a partir de uma nascente a 12 km de distância. A fonte supriu os moradores da cidade com água fresca durante a Guerra dos Bálcãs Marcelo Negromonte/UOL Mais
Pedras brancas e janelas verdes é quase padrão nas construções de Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Antigo mosteiro e hoje museu dos dominicanos, em Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Anoitecer espetacular na Placa (fala-se Platsa), a rua principal da Cidade Velha, em Dubrovnik, por onde não circulam automóveis Marcelo Negromonte/UOL Mais
Amanhecer na Placa, ainda sem turistas e com andorinhas, em Dubrovnik, cidade chamada oficialmente de Ragusa até 1909 Marcelo Negromonte/UOL Mais
A Placa (também conhecida como Stradum) em toda a sua extensão (cerca de 300 m) em Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Interior do Palácio do Rector, como era conhecido o governante da então República de Ragusa (Dubrovnik), que durou do século 14 ao começo do 19 Marcelo Negromonte/UOL Mais
Corrimão no interior do Palácio do Rector (aquele que governa, em latim), em Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Ilha de Šipan, uma das três mais conhecidas do arquipélago Elafiti, na região de Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Continente croata visto a partir da ilha Koločep, na região de Dubrovnik; existem diversas excursões que duram todo o dia para as ilhas Elafiti Marcelo Negromonte/UOL Mais
Fachada de casa à beira-mar na ilha de Lopud, uma das três ilhas habitadas do arquipélago Elafiti, próximo a Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Interior da instalação "Your Black Horizon Art Pavillion", do artista dinamarquês Olafur Eliasson e do arquiteto inglês David Adjaye. A obra fica na ilha de Lopud até outubro de 2008 Marcelo Negromonte/UOL Mais
Vista do mar no caminho para a Cidade Velha, em Dubrovnik Marcelo Negromonte/UOL Mais
Torre do Relógio em Dubrovnik marca 21h25, mas eram 22h25 Marcelo Negromonte/UOL Mais
Ponte Dubrovnik (ou ponte Franjo Tuđman, nome do primeiro presidente da Croácia pós-independência), construída em 2002, liga a cidade ao norte do país Marcelo Negromonte/UOL Mais
Praça da República, no centro de Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Riva, o passeio à beira-mar em Split, a segunda maior cidade da Croácia, com cerca de 400 mil habitantes Marcelo Negromonte/UOL Mais
Chuveiro na praia Bačvice, a mais popular em Split; também havia chuveiros com xampu Marcelo Negromonte/UOL Mais
Escada leva ao mar na praia de Bačvice, em Split, na Dalmácia central Marcelo Negromonte/UOL Mais
Teatro Nacional de Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Torre do palácio Diocleciano, no centro de Split, tombado pela Unesco Marcelo Negromonte/UOL Mais
Estátua de Gregório de Nin, bispo croata que defendeu o uso da língua local nas liturgias no séc. 10º, na frente do Portão Dourado do palácio Diocleciano; é recomendável passar a mão no pé da estátua (dir.) para ter sorte Marcelo Negromonte/UOL Mais
Ruínas do palácio Diocleciano; à direita funciona um hotel Marcelo Negromonte/UOL Mais
Peixe à venda no Ribarnica (mercado de peixe, em croata), que funciona há séculos no centro de Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Interior do vestíbulo do palácio Diocleciano, em Split; é uma das partes mais bem preservadas dos aposentos imperiais Marcelo Negromonte/UOL Mais
Portão Dourado do palácio Diocleciano, em Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Detalhe do palácio Diocleciano, em Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Ruela no centro de Split, próxima ao palácio Diocleciano Marcelo Negromonte/UOL Mais
Pôr-do-sol em Zvončac, Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Fachada de loja da Benetton, no centro de Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Vista panorâmica de Split a partir do monte Marjan Marcelo Negromonte/UOL Mais
Adolescentes aproveitam o final da primavera em Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Casa no bairro popular Veli Varos, em Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
Torcida (fala-se tortsida) é como se chama especificamente a torcida do Hajduk, time de futebol de Split e um dos mais populares do país Marcelo Negromonte/UOL Mais
Interior do ferryboat da empresa Jadrolinija, que faz a ligação entre Split, ilhas e cidades da Croácia e até a Itália Marcelo Negromonte/UOL Mais
Passeio à beira-mar coberto por pinheiros na cidade de Bol, na ilha de Brač, a uma hora de barco de Split Marcelo Negromonte/UOL Mais
A faixa clara ao fundo é a praia Zlatni Rat (chifre dourado em croata), a mais famosa do país, em Bol Marcelo Negromonte/UOL Mais
Praia Zlatni Rat, em Bol, com um mar tão lindo quanto gelado Marcelo Negromonte/UOL Mais
Devido aos ventos fortes e constantes, Zlatni Rat é procurada por windsurfistas e praticantes de kite surf, em Bol Marcelo Negromonte/UOL Mais
Zlatni Rat, em Bol, é praia de pedras arredondadas Marcelo Negromonte/UOL Mais
Casal de turistas toma sol em Zlatni Rat, em Bol Marcelo Negromonte/UOL Mais
Vista do mar em Bol, na ilha de Brač Marcelo Negromonte/UOL Mais
"Obrigado e volte novamente", diz a placa em croata na saída de Zlatni Rat, em Bol Marcelo Negromonte/UOL Mais
A Croácia faz fronteira com a Bósnia, Montenegro, Sérvia, Eslovênia e Hungria e está a cerca de quatro horas de barco da Itália Arte UOL Mais

Croácia - Belezas de Dubrovnik, Zagreb, Split e Bol

Mais álbuns de UOL Viagem x

Veja mais: CROÁCIA, ESLOVÊNIA E SÉRVIA NA FOLHA , VEJA MAIS FOTOS DE UOL VIAGEM , ESCOLHA UM DESTINO PARA CONHECER

Últimos álbuns de Viagem

UOL Cursos Online

Todos os cursos